Publicidade

Estado de Minas

ONG busca porto no Mediterrâneo para desembarcar 87 imigrantes


postado em 03/08/2018 10:42

A ONG espanhola Proactiva Open Arms continua buscando um porto no Mediterrâneo para poder desembarcar 87 imigrantes que resgatou na quarta-feira em águas internacionais frente à Líbia.

"Conseguimos os primeiros sorrisos, apesar do medo e da incerteza que vemos em seus rostos", escreveu a ONG no Twitter em relação aos migrantes resgatados, denunciando a "perseguição e os abusos em seus países, assim como torturas na Líbia".

Os imigrantes, em sua maioria sudaneses da região de Darfur, passaram 50 horas em uma lancha pneumática sem água.

Muitos deles tinham queimaduras provocadas pela mistura de combustível e água salina.

Com a chegada do barco da Proactiva Open Arms, alguns se jogara nas águas por medo de serem devolvidos à Líbia, onde são frequentes os abusos e violências com os imigrantes.

O barco espera agora autorização de algum porto para desembarcá-los.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade