Publicidade

Estado de Minas

Trump diz no Twitter que não permitirá tarifas e colocará fim ao abuso comercial


postado em 09/06/2018 20:18

São Paulo, 09/06/2018 - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou há pouco em sua conta no Twitter ter deixado claro aos líderes mundiais que participaram da Cúpula do G-7, em Quebec, no Canadá, que não aceitará a imposição de tarifas aos produtos norte-americanos e esse "abuso comercial" já se manteve por tempo demais.

"Acabo de deixar o @G7 Summit no belo Canadá. Grandes encontros com líderes dos seis países, especialmente porque eles sabem que não posso permitir que apliquem altas tarifas e fortes barreiras ao...Comércio dos Estados Unidos. Eles entenderam completamente de onde venho. Depois de muitas décadas, o Comércio livre e recíproco vai acontecer!", escreveu o presidente norte-americano.

E Trump prosseguiu. "Os Estados Unidos não vão permitir que outros países imponham altas tarifas e barreiras comerciais à nossos agricultores, trabalhadores e companhias enquanto enviam seus produtos para nosso país livre de taxas. Temos de colocar um fim a esse abuso comercial que acontece há décadas e se estendeu por tempo demais".

Pela manhã, Trump sugeriu que os membros do G-7 façam um acordo para criar uma zona comercial "livre de tarifas" entre esses países. A questão comercial entre os EUA e o restante do mundo ganhou holofotes nos últimos meses após o anúncio de tarifas massivas sobre aço e alumínio importados. Segundo Trump, os membros do G-7 estão comprometidos com uma situação comercial mais justa para os EUA.

Coreia do Norte

Sobre o histórico encontro com o líder norte-coreano, marcado para a terça-feira, dia 12, Trump disse estar ansioso para encontrar o líder norte-coreano. "Estou a caminho de Cingapura onde terei a chance de alcançar um resultado verdadeiramente maravilhoso para a Coreia do Norte e o mundo. Certamente será um dia emocionante e eu sei que Kim Jong-un trabalhará muito duro para fazer algo que raramente foi feito antes...Criar a paz e grande prosperidade para sua terra. Estou ansioso para encontrá-lo e tenho a sensação de que essa é uma oportunidade única que não será desperdiçada!", escreveu Trump. (Fabiana Holtz - fabiana.holtz@estadao.com)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade