Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas COLUNA DO JAECI

Galo é goleado pelo Grêmio. Cruzeiro é uma vergonha só contra a Chape

Faltando 13 rodadas, o time azul precisa de oito vitórias para não correr riscos. Campanha ridícula para um clube que gasta R$ 20 milhões em folha de pagamento


postado em 14/10/2019 04:00 / atualizado em 14/10/2019 08:58

Atlético é goleado no Independência pelo Grêmio por 2 a 1(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Atlético é goleado no Independência pelo Grêmio por 2 a 1 (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)


O Atlético foi derrotado pelo Grêmio, em casa, por 4 a 1. Uma vergonha. Um time desestruturado, que tem em Luan um dos seus principais jogadores. Um atleta medíocre, que ganha uma fortuna por mês, com salários absurdos. Além dele, Ricardo Oliveira e outros engodos. Ex-jogadores em atividade. Gente, pelo amor de Deus, chega de investir nesses atletas medíocres. Para quem teve R10, Diego Tardelli, Jô e Bernard, ter hoje Ricardo Oliveira e outros jogadores sem o menor valor é realmente difícil. Alexandre Gallo fez um mal terrível ao Atlético. Contratou o que de pior havia no mercado, renovou contratos com jogadores péssimos e inflacionou a folha de pagamento.

O Atlético é um bando em campo, e a culpa não é do treinador. Com 31 pontos, ao lado do Vasco, o Galo tem 6 pontos a mais que o CSA, o primeiro na zona de rebaixamento. Se continuar sem pontuar, corre sim sérios riscos de cair. Não brinquem com a tabela.

O internauta Jonas Resende me mandou a seguinte mensagem: “Caro Jaeci, sou atleticano. Nunca havia comemorado um grande título, e comemorei a Libertadores, a Copa do Brasil e a Recopa. O presidente Alexandre Kalil é meu ídolo, meu guru, é tudo pra mim. Me deu as maiores alegrias que tive no futebol. Hoje, confesso a você que não tenho saudades dele, pois é o maior e melhor presidente da história do meu clube. Tenho saudade de Daniel Nepomuceno, pois o Atlético hoje é um dos piores times que já vi na vida. Volta, Daniel”! ´É realmente um caso e ser pensado. Uma pena!

Empate vergonhoso

O Cruzeiro continua uma vergonha e sem vencer sob o comando de Abel. Levou um gol no último lance do jogo contra a Chapecoense, ontem, e empatou por 1 a 1, chegando aos 22 pontos. Um time que não consegue ganhar da Chapecoense vai ganhar de quem? As denúncias contra alguns conselheiros, no Esporte Espetacular de ontem, são gravíssimas. O clube azul vive realmente seu inferno astral.

Por mais que o presidente do Conselho Zezé Perrella tente a harmonia no clube, é preciso apurar todas as denúncias e indiciar os envolvidos. É preciso que alguém seja preso, no futebol, para que comecem a moralizar o esporte. Chega de dirigentes que inflacionam as folhas de pagamentos dos clubes, Norte a Sul do país, e saem impunes, como se nada tivesse acontecido.

Faltando 13 rodadas, o time azul precisa de oito vitórias para não correr riscos. Campanha ridícula para um clube que gasta R$ 20 milhões em folha de pagamento e tem esse retorno ridículo de alguns jogadores. Abel Braga não tem mais condições de treinar um time da grandeza do Cruzeiro. Ele precisa se modernizar e evoluir. E, um detalhe: não é só ele. A maioria dos técnicos brasileiros está ultrapassada, sem estudar ou se modernizar. O futebol brasileiro, tecnicamente, é uma piada. Salvam-se Flamengo e Grêmio. O resto, é tudo do mesmo.

Tite é uma vergonha

O Brasil empatou com a Nigéria ontem, em Cingapura, por 1 a 1, depois de sair atrás no placar. O técnico Tite está completamente perdido, com um esquema de jogo inexistente, mantendo Thiago Silva, Marquinhos, Daniel Alves, Casemiro, Alex Sandro, Philippe Coutinho, Gabriel Jesus e outros engodos. Os torcedores me perguntam “se Tite ganha dinheiro dos empresários para convocar determinados jogadores”. Não posso responder, pois não tenho provas. Mas que é uma vergonha, isso é.

Tite não sabe nada de bola, tem uma equipe de 50 assistentes, voa em primeira classe, fica nos melhores hotéis, mas não dá o menor retorno ao que é investido nele. Mantém seu filho como auxiliar, um cara que não tem história no futebol, nunca foi competente em clube nenhum. Uma pena que o maior patrimônio esportivo do povo brasileiro, a Seleção, seja tão maltratada por Tite e cia. O cara ganha uma fortuna e não tem o menor comando do grupo, escala mal, e convoca pior ainda. Se Tite tiver o mínimo de dignidade, deveria pedir demissão.

Hoje, o melhor técnico brasileiro é Renato Gaúcho. Eu arriscaria mais: poria Jorge Jesus para comandar a Seleção, tenho certeza de que ele mudaria a história do nosso futebol, como está mudando a do Flamengo. Neymar é outro que não tem história na Seleção Brasileira. Fracassou em duas Copas do Mundo e toda vez que a Seleção precisa dele, não comparece. Será um dos jogadores mais ricos do mundo, mas jamais ganhará uma Copa e nem será eleito o melhor jogador do mundo. Uma pena, pois talento, ele tem para dar e vender.

Tá tudo errado na Seleção. Tite puxa o saco de Neymar e de outros jogadores. Tem sua confraria, e transforma a Seleção numa comédia. Hoje, ninguém nos respeita mais. Até os africanos jogam de igual para igual conosco.


Publicidade