SIGA O EM

Modelo de sucesso

Pioneirismo do Sistema Unimed é destaque no cooperativismo médico

Números do setor demonstram liderança das cooperativas médicas em Minas e no Brasil

Sistema Unimed mineiro - Cuidar de você, esse é o plano.
Conteúdo patrocinado
Sistema Unimed mineiro

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1131340, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'D\xe9a Tomich', 'link': '', 'legenda': 'Diretoria da Unimed Federa\xe7\xe3o Minas, juntamente com o presidente da Organiza\xe7\xe3o das Cooperativas do Estado de Minas Gerais (Ocemg), Ronaldo Scucato, e o presidente da Unimed do Brasil, Orestes Pullin.', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2017/06/19/877355/20170627151741467111u.jpg', 'alinhamento': 'center', 'descricao': ''}]

postado em 19/06/2017 11:50 / atualizado em 28/06/2017 16:33

Déa Tomich
Modelo de organização social voltado para o bem comum, dedicado ao desenvolvimento das pessoas e da vida em comunidade. Esse é o conceito do cooperativismo, doutrina que vem ganhando cada vez mais força ao redor do mundo. No Brasil, segundo dados da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), já são mais de 6,5 mil agremiações, que reúnem 12 milhões de cooperados e promovem 365 mil postos de trabalho. Destaque no país, o Sistema Unimed é pioneiro no modelo de cooperativismo médico, uma lógica de assistência que revolucionou a saúde suplementar nos últimos 50 anos e tornou-se referência mundial.

“Acreditamos que o cooperativismo vá predominar neste século, em detrimento do capitalismo e do socialismo, é uma evolução natural. Em cidades onde a doutrina está presente, o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é sempre maior”, afirma Paulo Rangel, diretor de Controle da Unimed Federação Minas. Foi com o propósito de aprimorar a qualidade da assistência em saúde, valorizando o trabalho médico, que a Unimed tornou-se líder do mercado de planos de saúde no Brasil. Somente em Minas Gerais, atualmente mais de 17 mil médicos cooperados trabalham no cuidado aos quase 3 milhões de clientes. A empresa detém 58,62% de participação no mercado e está presente em 97% do território mineiro.

O Sistema Unimed se organiza a partir dos sete princípios do cooperativismo. São eles: a adesão voluntária; a gestão democrática; a participação econômica dos membros; a autonomia e a independência; a educação, a formação e informação; a intercooperação e o interesse pela comunidade. Segundo Paulo Rangel, o grande diferencial para o sucesso do modelo no segmento de saúde é a possibilidade dos médicos serem donos do próprio negócio. “Ao contrário das operadoras mercantis, onde busca-se o lucro e ele fica concentrado nas mãos de poucas pessoas, no cooperativismo todos que compõem o sistema têm participação nas decisões e na partilha dos resultados. Isso se reflete diretamente na qualidade de atendimento aos pacientes”.
 
A expressiva capilaridade é outro fator que garante o sucesso da Unimed no estado. As 68 cooperativas médicas que compõem o Sistema, em Minas, trabalham por meio do intercâmbio, que garante ao cliente Unimed de uma operadora, ser atendido em qualquer região do estado e do país, dependendo do plano contratado. Esse é um diferencial que só o modelo cooperativista permite, com operadoras que atuam de forma independente, porém integradas ao modelo de negócio de um Sistema único, proporcionando um alto padrão de qualidade no atendimento e assistência a seus clientes.
Tags: unimed