15°/ 28°
Belo Horizonte,
23/OUT/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Rodoviários do Rio decidem parar por 24 horas a partir da meia-noite Trabalhadores discordam de sindicato que aceitou aumento de 10%, longe dos 40% desejados

Agência Brasil

Publicação: 27/05/2014 18:50 Atualização: 27/05/2014 18:55

Os rodoviários do município do Rio de Janeiro decidiram parar o trabalho, durante 24 horas, a partir da meia-noite desta terça para quarta-feira. A decisão foi tomada em assembleia da categoria, realizada no final da tarde em frente à Igreja da Candelária, no centro da cidade. Após a assembleia, os trabalhadores seguiram em passeata pela Avenida Presidente Vargas até a Central do Brasil.

Os rodoviários são contra o acordo fechado em abril pelo sindicato dos motoristas e cobradores com as empresas de ônibus, que garantia reposição salarial de 10%. Os trabalhadores argumentam que o sindicato fechou acordo sem ouvir o conjunto da categoria.

Eles reivindicam aumento de 40%, cesta básica no valor de R$ 400 e o fim da dupla função, quando o motorista também cobra a passagem. Com isso, o salário de motorista sairia de R$ 1,8 mil para R$ 2,5 mil e o de cobrador, de R$ 1.080 para R$ 1,4 mil.

As empresas argumentam que já negociaram com os trabalhadores, por meio do sindicato da categoria. O secretário-geral do sindicato dos rodoviários, Antonio Bustamanti, compareceu à assembleia e disse que a greve tem cunho político. Ele alertou que trabalhadores podem sofrer represálias com a paralisação. A presença de Bustamanti acabou provocando tumulto e ele precisou ser retirado com proteção policial.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.