Publicidade

Estado de Minas

ONU: 313.000 rohingyas fugiram para Bangladesh desde 25 de agosto


postado em 11/09/2017 06:31

O número de muçulmanos rohingyas que se refugiaram em Bangladesh para fugir da violência em Mianmar superou a barreira de 300.000 em pouco mais de duas semanas, anunciou a ONU.

"Calculamos em 313.000 o número de rohingyas que entraram em Bangladesh desde 25 de agosto", afirmou à AFP Joseph Tripura, porta-voz do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados.

Os rohingyas, tratados como estrangeiros em Mianmar, país onde mais de 90% da população se declara budista, são considerados apátridas, apesar da presença de algumas famílias há várias gerações no país.

Os ataques violentos dos rebeldes rohingyas contra postos policiais no fim de agosto provocaram uma nova onda de repressão do exército birmanês, que resultou na fuga de centenas de milhares de pessoas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade