SIGA O EM

Facebook deixa tragédia de Mariana de fora da retrospectiva de 2015

Publicação relembra os assuntos mais comentados ao longo do ano na rede social. Mesmo destacando tragédias do ano, página não listou o rompimento da barragem em Mariana

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 972921, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Reprodu\xe7\xe3o/Facebook', 'link': '', 'legenda': 'Rela\xe7\xe3o dos assuntos mais comentados ao longo do ano na rede social', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2015/12/13/716826/20151213145915698017a.jpg', 'alinhamento': 'left', 'descricao': 'Facebook divulga v\xeddeo especial de fim de ano relembrando trag\xe9dias e solidariedade'}]

postado em 13/12/2015 14:58 / atualizado em 13/12/2015 16:47

Luiz Fernando Motta /


O tradicional vídeo de fim de ano do Facebook dessa vez deu destaque a eventos que uniram povos pelo mundo em 2015. Mark Zuckerberg e companhia resolveram exaltar a solidariedade humana, listando os assuntos mais comentados ao longo do ano. A produção divulgada neste domingo citou os temas mais comentados na rede social durante o ano, com enfoque em tragédias ambientais, ataques terroristas e eventos marcantes pelo mundo.

A equipe de Zuckerberg, contudo, deixou de fora o rompimento da barragem em Mariana, tragédia que devastou distritos da cidade mineira considerada o maior desastre ambiental da história do Brasil.

Uma página especial da retrospectiva está disponível na rede e traz a opção de listar os temas mais comentados por país e o top 10 mundial. A tragédia de Mariana não está em nenhuma das categorias.

Os ataques de Paris, o terremoto no Nepal, a crise dos refugiados na Síria e a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo nos Estados Unidos ganharam destaque na publicação.

A eleição presidencial dos Estados Unidos lidera a relação tanto local quanto mundial do Facebook. No Brasil, os assuntos mais comentados foram, em ordem decrescente: Dilma Rousseff, Lula, Escândalo da Petrobras, Cristiano Araújo, Jorge & Matheus, Aécio Neves, Rock In Rio, Papa Francisco, Ataques de Paris e Escândalo da Fifa.

No campo do entretenimento, a rede social deu destaque para as séries 'Game of Thrones' e 'The Walking Dead', além da expectativa dos usuários para o lançamento do sétimo episódio de 'Star Wars'.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
sandro
sandro - 14 de Dezembro às 08:55
È deprimente ver esse aspecto. Hoje se valoriza mais a imagem, a conversa, a propaganda, do que o ser humano. era importante era estar na mídia.....não resolver os problemas. Era importante estar na retrospectiva do facebook, não ter tanta ajuda humanitária como teve. Paremos de dar valor à ostentação e pratiquemos mais a ajuda de fato. Os galpões de Mariana não cabem mais doações. Pra quê mídia no facebook? simplesmente pra ficar revendo as dores de todo mundo? As pessoas aprenderam a gostar das matérias de catástrofe. Gostam de ver as dores e misérias na mídia. Ainda bem que o FB não colocou
 
geraldo
geraldo - 13 de Dezembro às 23:28
Com certeza o atentado da França, esse último q aconteceu deve ter saído.
 
Reynaldo
Reynaldo - 13 de Dezembro às 20:36
São os estertores do FB. 2016 é o ano da queda. Podem anotar! CHEGA de chicanas e abusos. São censuras permanentes. Obrigatoriedade de usar o Kaspersky Malware for FB que NÃO se retira facilmente e NADA aponta como perigoso, apesar do aviso do FB. Oferta de jogos irritantes. Pessoas que NUN CA sei quem são na aba de "quem eu posso querer conhecer". E agora esta. Vá em PAZ Facebook! Algo novo virá!