13°/ 24°
Belo Horizonte,
24/JUL/2014
  • (9) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Explosão em fábrica de fogos de artíficio mata duas pessoas em Minas Polícia Civil vai abrir inquérito para apurar as causas do acidente que matou dois funcionários. Dois galpões da fábrica foram atingidos pela explosão

Luana Cruz -

Publicação: 08/05/2012 10:49 Atualização: 08/05/2012 11:42

Duas pessoas morreram na explosão dentro de uma fábrica de fogos de artificio na Zona Rural de Santo Antônio do Monte, na Região Centro-Oeste de Minas Gerais. De acordo com a Polícia Militar (PM), o acidente aconteceu por volta de 8h desta terça-feira na empresa Fogos Estrela.

Segundo o delegado Ivan José Lopes, dois galpões da fábrica foram atingidos pela explosão. Os funcionários André Luiz da Silva, 37 anos, e Claudiomar Custódio da Silva, 41 anos, morreram em virtude dos ferimentos. Eles foram encaminhados para o Posto Médico Legal de Bom Despacho, mas não resistiram.

O local da explosão foi preservado e a perícia da Polícia Civil acionada. Estão no local equipes do Posto de Fiscalização de Produtos Controlados do Exército, Defesa Civil de Santo Antônio do Monte e PM. “As investigações vão apontar quais foram as circunstâncias da explosão, inclusive se houve negligência, imprudência ou imperícia”, ressaltou o delegado.

De acordo com a PM, outras ocorrências de explosão já foram registradas na cidade que é polo produtor de artigos pirotécnicos. Uma das maiores fontes de renda do município é a fabricação de fogos.

História dos fogos

Segundo a Associação Brasileira de Pirotecnia, em 1800, já havia fabricantes de fogos de artifício em Santo Antônio do Monte. Em 1859, os irmãos Joaquim Antônio da Silva e Luiz Mezêncio da Silva (Luiz Macota) fabricavam rojões e castelos. Ganharam muito dinheiro com a fabricação e venda de foguetes. A arte pirotécnica foi passada para gerações futuras.

Entre 1931 a 1940 a produção ganhou escala industrial com as empresa Fogos 2 Irmãos, Fogos Primor, Fogos Radiante e Fogos Estrela (onde aconteceu o acidente). De 1945 a 1963 foram constituídas diversas fábricas, gerando empregos e impulsionando o comércio de fogos.

A grande era dos fogos em Santo Antônio do Monte, aconteceu a partir de 1963. De 1970 até os dias de hoje a cidade conta com 75 empresas ligadas a pirotecnia. Segundo a associação, os produtos fabricados atendem as exigentes normas de segurança, passando pelo Centro Tecnológico em Pirotecnia, único na América Latina.
Tags: celular

Esta matéria tem: (9) comentários

Autor: Nélio Faria
Coisa de gente atrasada esse negócio de soltar fogos... Primeiro que estas empresas usam muito das 1001 maracutaias p/ ludibriar a fiscalização e, outra, que é uma queima de dinheiro à toa, mtas vezes dinheiro PÚBLICO que seria melhor utilizado p/ outros fins mais dignos! Sem falar na PERICULOSIDADE! | Denuncie |

Autor: Jose Antonio de Melo da Silva
Não gosto de fogos de artifícios. Coisa de muito perigo. | Denuncie |

Autor: Victor Hugo Batista
Os fogos causam acidentes sim! olha a proporção em relação a outros produtos? Na caixa dos fogos existem instruções de uso! Existem regras para sua comercialização! se nao sao cumpridas a culpa nao eh das fabricas! Que possuem controles rigidos. Ate do exercito para fabricação! Foi uma fatalidade! | Denuncie |

Autor: gerson garcia
tem gente que a lingua não cabe em sua boca, falam por falar...tudo que se pensar pode ser um motivo de acidente.....por exemplo: tem que fechar o mar...pois tá morrendo gente afogada. Parar de fabricar carros que ultrapassem 60 kms hora, pois ta tendo muitos desatres. Parar de vender as geladinhas, | Denuncie |

Autor: alex gonçalves
caro michail, se voce não sabe são mais de 30 mil pessoas que vivem direta ou indiretamente dos fogos de artificio em santo antonio do monte, neste caso o governo tambem deveria pribir os carros, quantos morrem por dia de acidente? o caso é dar condiçoes de trabalho para o pessoal, alex | Denuncie |

Autor: Daniel Pereira
Fogos deveriam ter seu uso restrito. Hoje qualquer um compra bombas de grande poder e fere as outras pessoas... | Denuncie |

Autor: JOSE CARLOS VIANA
Essa não será a última explosão..... | Denuncie |

Autor: Eduardo
Desde a década de 80, temos notícias de explosões com vítimas fatais em Sto. Ant.do Monte, não entendo porque as autoridades não tomam providências. Até quando vamos ver esses trabalhadores morrendo nesta situação? Sem falar nos riscos e acidentes que esses fogos causam aos usuários. | Denuncie |

Autor: Michail Chatzidimitriou
Eu não entendo POR QUE O GOVERNO NÃO PROIBIR O USO DE FOGOS DE ARTIFÍCIO | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.