Morre bebê retirado de escombros do prédio em Aracaju

Edifício de quatro andares desabou. Família foi retirada do local 34 horas após o incidente

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 20/07/2014 14:37 / atualizado em 20/07/2014 15:36

Agência Estado

Futura Press/Estadão Conteúdo
Morreu o bebê de 11 meses que foi resgatado dos escombros do prédio que desabou em Aracaju. A criança havia sido retirada no início da tarde junto com o pai, a mãe e a irmã de 8 anos. Eles ficaram 34 horas sob os escombros. Segundo os bombeiros, o bebê foi retirado ainda com vida, mas morreu a caminho do hospital. O prédio de quatro andares desabou, neste sábado, por volta das 2 horas da manhã, no bairro Coroa do Meio.

Todas as pessoas resgatadas foram encaminhadas ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). As vítimas são o servente de pedreiro Geraldo da Silva, a mulher dele, Vanice de Jesus, 31, a filha, Ane Gabriele, 8 anos, e Ítalo Miguel, 11 meses, que não resistiu aos ferimentos. As informações são da major Maria Souza, assessora de comunicação do Corpo de Bombeiros, que chorou ao dar entrevista.

O engenheiro responsável pelo prédio esteve no local e forneceu a planta do imóvel, o que facilitou o trabalho dos bombeiros. Além disso, diversas empresas de construção civil de Aracaju disponibilizaram máquinas e equipamentos para ajudar no resgate das vítimas.

O contato visual foi feito ontem por volta das 19h30 e, na manhã deste domingo, a equipe de bombeiros conseguiu acesso por um buraco, para oxigenação e hidratação das vítimas, que ficaram mais de 30 horas soterradas.

O imóvel que desabou fica na Rua Poeta José Sales Campos, no bairro Coroa do Meio, na zona sul de Aracaju, perto da orla da Atalaia, um dos principais cartões-postais da capital sergipana.

A causa do desabamento será investigada, e o laudo deverá ficar pronto em até 30 dias.

Tags:
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.