No RS, médica cubana abandona emprego e desaparece

Empregada pelo programa Mais Médicos, mulher ganhou um dia de licença no trabalho e não voltou mais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 11/07/2014 18:49 / atualizado em 11/07/2014 19:16

Agência Estado


A cubana Yaisel Almeida, de 28 anos, desistiu do trabalho e desapareceu de Estância Velha (RS), na região metropolitana de Porto Alegre, onde atendia pacientes em uma Unidade Básica de Saúde como enviada do programa Mais Médicos, do governo federal, desde 17 de abril deste ano.

O desaparecimento foi percebido em 1º de julho, quando ela deveria voltar à cidade, depois de ser dispensada por um dia para resolver questões particulares em Porto Alegre. Como a médica levou os pertences do local onde morava e disse aos colegas que estava abandonando a missão, a polícia nem chegou a fazer buscas. A prefeitura notificou a coordenação do programa e está tratando o caso como abandono de emprego. O paradeiro da médica é desconhecido.
Tags:
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.