12°/ 21°
Belo Horizonte,
28/JUL/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Estudantes ocupam Reitoria da UnB em protesto contra processo a alunos

Correio Braziliense

Publicação: 06/06/2014 08:21 Atualização:

Uma Assembleia Geral dos Estudantes, convocada pelo Diretório Central dos Estudantes (DCE) e pelo Conselho das Entidades de Base (CEB) - que reúne os Centros Acadêmicos (CAs) -, terminou com a ocupação da Reitoria da Universidade de Brasília (UnB) nesta quinta-feira (5/6). A principal exigência dos estudantes é a anulação imediata do processo contra oito alunos envolvidos no "catracaço", protesto realizado no Restaurante Universitário (RU) em 2013. Até aproximadamente 23h, os alunos ainda ocupavam o Gabinete do Reitor e mantinham a rampa do prédio bloqueada com sofás.

Depois da Assembleia no Ceubinho, os alunos seguiram para a Reitoria, onde foram recebidos, no auditório, pelo reitor da UnB, Ivan Camargo, às 14h. O grupo exigiu mais verba para os CAs e melhoria para a Assistência Estudantil. Também pediram que os Hapy Hours não fossem proibidos e que os CAs não fossem removidos do ICC. O clima ficou mais tenso quando os estudantes reivindicaram que a reitoria removesse o processo contra os alunos que participaram do catracaço.

O reitor Ivan Camargo disse que não abriria mão do processo em andamento e que a única entidade que poderia derrubar o processo seria o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) da UnB. Depois que o reitor Ivan Camargo se retirou da reunião com os estudantes antes do fim do encontro, os alunos ocuparam o Gabinete do Reitor. Na confusão, uma janela de vidro foi quebrada. Um grupo continua no local deliberando sobre o andamento da ocupação.

A coordenadora geral do DCE Gabriela Sarkis, estudante do 7º semestre de ciência política, disse que a instituição estudantil não apoia a ocupação. “Fomos contra desde o início. Não apoiamos a violência. Alguns professores até eram solidários a situação dos alunos até o vidro ser quebrado. Não apoiamos isso”.

Entenda o caso
No ano passado, estudantes beneficiados pela Assistência Estudantil da Universidade de Brasília (UnB) fizeram um Catracaço no Restaurante Universitário (RU). Revoltados, pularam as catracas para comer de graça como forma de pressão para reivindicar melhorias para a Assistência Estudantil. O prejuízo para o RU foi de R$ 29 mil. Por causa disso, a Reitoria da UnB moveu um processo contra alguns estudantes da Assistência Estudantil.

Com informações de Paloma Suertegaray
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.