13°/ 25°
Belo Horizonte,
22/JUL/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Guaratinguetá, Brotas e Olímpia podem tornar-se estãncia

Agência Estado

Publicação: 03/06/2014 15:01 Atualização:

Guaratinguetá, 03 - A cidade de Guaratinguetá, no Vale do Paraíba, onde nasceu Frei Galvão, o primeiro santo brasileiro, deverá se transformar em estância religiosa nos próximos dias e integrará o seleto grupo das estâncias turísticas do Estado de São Paulo. A Assembleia Legislativa deverá votar nesta quarta-feira, 4, outros dois projetos de lei que também elevam os municípios de Brotas e Olímpia à condição de estância turística. Após a sanção do projeto, o Estado de São Paulo passará a contar com 70 estâncias turísticas, que são classificadas como Balneárias, Climáticas, Hidrominerais e Turísticas.

Conhecida como a "terra de Frei Galvão", Guaratinguetá já recebe turistas o ano inteiro interessados na questão religiosa. A Catedral de Santo Antônio, onde o frei foi batizado e rezou sua primeira missa, é um dos pontos mais visitados pelos turistas-fiéis. A igreja que leva o nome do santo é outro ponto turístico religioso visitado na cidade, assim como o Seminário Frei Galvão e o Mosteiro Imaculada Conceição.

Com a classificação, os municípios terão direito a receber recursos do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (Dade), órgão ligado à Secretaria Estadual de Turismo, para investimentos no setor turístico. O governador Geraldo Alckmin (PSDB), autor das proposituras, afirma que até o final de sua gestão terá liberado cerca de R$ 1 bilhão para as estâncias.

"A classificação das novas três estâncias corrige uma grande injustiça, pois elas já possuem vocação turística. As estâncias travam uma luta para desenvolver o turismo, que é uma indústria que cresce a cada ano e uma das maiores geradoras de emprego", disse o presidente da Associação das Prefeituras das Cidades Estâncias do Estado de São Paulo (Aprecesp), Antônio Luiz Colucci. De acordo com o deputado estadual Edmir Chedid (DEM) , existem outros 90 projetos em tramitação na assembleia protocolados por prefeitos que desejam ver suas cidades se tornarem estâncias, de olho na verba extra.

Mas o governo do Estado limitou em 70 o número de estâncias. Outros 50 municípios são considerados de interesse turístico. Essas 140 cidades formarão um "grupo B". Três das 70 estâncias que não seguirem as regras "cairão" para o "Grupo B" e perderão o direito às verbas do Dade. Assim, três cidades de interesse turístico que atendam aos requisitos "sobem" para o "grupo de Elite".

"Injustiça"

O anúncio da votação dos projetos animou os prefeitos das futuras estâncias. Para o prefeito de Brotas, Orlando Pereira Barreto Neto (PSL), a luta para a elevação à categoria de estância já durava 20 anos. "Foram duas décadas para que Brotas, que tem 22 mil habitantes, tivesse seu reconhecimento moral e econômico", disse.

Segundo ele, a cidade já é reconhecida mundialmente por causa dos esportes radicais e recebe turistas durante o ano inteiro. "Os moradores consideravam uma grande injustiça Brotas não ser uma estância turística, mesmo com todo o seu potencial." Com a classificação, Neto acredita que Brotas irá desencadear novos incentivos para o turismo. Ele estima que a prefeitura deverá receber entre R$ 3 milhões a R$ 4 milhões de recursos do Dade.

O prefeito de Olímpia, Eugênio José Zuliani (DEM), afirmou que a cidade vem tentando obter a classificação desde 2001. Ele também diz esperar receber entre R$ 2,5 milhões a R$ 3 milhões de recursos extras do Dade. "É com justiça que vemos a classificação, já que possuímos diversos atrativos turísticos e somos conhecidos como a capital nacional do folclore, sem contar que temos 8 mil leitos, muitos deles em resorts de entretenimento." O prefeito de Guaratinguetá, Francisco Carlos Moreira dos Santos (PSDB), afirmou, por intermédio de sua assessoria, que irá se pronunciar apenas após a aprovação do projeto.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.