17°/ 31°
Belo Horizonte,
01/NOV/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Sesc inicia atividades no Campo Limpo, zona sul de SP

Agência Estado

Publicação: 30/05/2014 15:07 Atualização:

São Paulo, 30 - Responsável por uma agenda cultural de dar inveja às secretarias de cultura do País, o Sesc inicia as atividades de mais uma unidade na periferia da capital paulista - dessa vez no bairro do Campo Limpo, zona sul. Essa será a 32ª unidade no Estado de São Paulo e a expectativa é que provoque um impacto cultural na região a exemplo do que ocorreu em outras unidades longe do centro e com poucas opções de lazer - como Itaquera e Interlagos.

A programação de abertura (que é grátis) começa no próximo domingo, dia 31, às 10 horas. O Sesc vai ocupar uma área de 20 mil m2 na Avenida Nossa Senhora do Bom Conselho, onde antes funcionava uma faculdade. As operações começam ainda de forma provisória, a mesma decisão tomada em outras unidades, como na Avenida Paulista e em Osasco, na Grande São Paulo. Parte de um galpão já será ocupada e uma tenda está sendo instalada. Haverá um palco externo, além de toda a estrutura administrativa e de banheiros para receber grandes públicos.

Durante o primeiro mês, Criolo, Fabiana Cozza, Luiz Melodia, Samba da Vela e Antônio Nóbrega são alguns dos nomes que marcam "a ocupação". Mesmo provisória, a unidade já oferecerá, além de música, exposições de artes e intervenções. Também haverá atividades de caráter educacional, como rodas de literatura. Ações que se somarão às mais de 21 mil atividades, entre espetáculos e sessões de cinema, realizados pelo Sesc no ano no Estado.

A área no Campo Limpo foi comprada pelo Sesc por R$ 40 milhões e deve passar por uma reforma que consumirá outros R$ 15 milhões. A ideia é que a adequação da área, com futuras piscinas e teatro, seja realizada com a unidade sempre aberta. É provável que a unidade esteja definitivamente pronta em até dez anos, mas sempre em funcionamento. A Escola da Cidade, que oferece um conceituado curso de Arquitetura, ficará responsável pelo projeto de adequação.

De acordo com o diretor do Sesc, Danilo Miranda, a instituição tem buscado com empenho terrenos na periferia. "Vamos ocupar imediatamente e começar uma operação em caráter ainda provisório, para aos poucos transformar a unidade em permanente", diz ele, que planeja uma programação do hip hop à ópera. "O importante é oferecer para a comunidade uma programação de qualidade, que tenha diálogo com a comunidade e que mantenha o nível de qualidade de todas as unidades."

O Sesc está presente na região sul paulistana desde 1975, quando inaugurou a unidade Interlagos e, mais recentemente, abriu a unidade de Santo Amaro. Mas preenche agora uma lacuna na região do Campo Limpo, que basicamente só contava com um CEU e um shopping como opções de lazer. Morador do Campo Limpo há 22 anos, o paraibano Joel de Oliveira, que é coordenador do movimento Periferia Ativa, espera uma transformação na região. "Campo Limpo é bem carente de equipamentos de cultura, o Sesc vai ser muito bem-vindo pela comunidade", diz ele, que organiza atividades culturais em praças e escolas. "Boa parte da violência acontece porque a molecada fica sem atividade, sem alternativa de cultura", diz Joel. As próximas unidades do Sesc a ficarem prontas neste ano são fora de São Paulo - Registro, Jundiaí e Birigui. A inauguração na Paulista e na Rua 24 de Maio estão previstas somente para 2015.

Centro.

O início do projeto de um Sesc em frente do Mercado Municipal, no terreno dos antigos Edifícios São Vito e Mercúrio, no centro da capital paulista, depende de votação na Câmara Municipal de São Paulo. Os vereadores ainda não votaram o projeto de lei que garante a transferência da área para a instituição. Por enquanto, o espaço é usado com um estacionamento.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.