Rio oferece recompensa de R$ 1 mil por traficantes

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 23/05/2014 18:13

Agência Estado

Rio, 23 - O Disque-Denúncia oferece recompensa de R$ 1 mil para informações sobre a localização dos traficantes Eduardo Pereira Maciel, o Eduardinho 2D; Sérgio Luiz Rodrigues Ferreira, o Salgueiro ou Problema; e José Luiz Moreira da Silva Filho, o Zé Pequeno. Eles são suspeitos de participação no tiroteio na favela da Lagoa, em Magé, baixada fluminense, que terminou com um policial morto e dois feridos, na noite desta quinta-feira, 22.

O sargento Fábio de Melo da Silva, de 38 anos, foi baleado na cabeça, chegou a ser levado para o Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, Duque de Caxias, na baixada fluminense, mas não resistiu aos ferimentos. Há 12 anos na PM, ele era casado e tinha duas filhas.

Na operação, o comandante do 34º Batalhão (Magé), tenente-coronel André Henrique Oliveira da Silva, foi ferido de raspão na mão, mas passa bem. O subtenente Hebson de Oliveira Carvalho foi atingido por dois tiros no braço e operado no Hospital Adão Pereira Nunes. Fora de perigo, ele aguarda transferência para o Hospital Central da Polícia Militar, no Estácio, zona norte do Rio.

Os policiais procuravam os traficantes que pertenciam a quadrilha que comandava o Complexo do Alemão, na zona norte do Rio, e fugiu do conjunto de favelas durante a retomada pelas Forças de Pacificação, em 2010. Segundo o Disque-Denúncia, os criminosos chegaram à favela da Lagoa, em 2011.

Na noite de quinta, o comandante do 34º BPM voltou à favela para comandar as ações com apoio dos policiais militares dos batalhão de Choque e de Ações com Cães, do Grupamento Aeromóvel (GAM) e do 15º BPM (Duque de Caxias) que reforçam a segurança no local. Ainda não há prisões ou apreensões.

Apontado como chefe do tráfico de drogas local, Eduardinho 2D possui três mandados de prisão por tráfico de drogas e homicídio. Contra Zé Pequeno, que era gerente geral, existem três mandados de prisão por homicídio, roubo e tráfico de drogas. Salgueiro tem um mandado de prisão por homicídio. Todos os mandados foram expedidos pela 4ª Vara Criminal de Magé.

#ET
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.