PM usa bombas de gás para dispersar manifestação em SP

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 15/05/2014 19:49

Agência Estado

São Paulo, 15 - Após bloquear os dois sentidos da Avenida Paulista, o 7º Protesto contra a Copa do Mundo seguiu para a Rua da Consolação. Os manifestantes seguravam faixas com dizeres contra a Copa, tocavam tambores e cantavam. Na Consolação, um grupo de mascarados entrou em conflito com a Polícia Militar, que usou bombas de efeito moral e balas de borracha. A PM acompanha até com helicópteros Águia.

Diferentemente do último protesto contra a Copa, que saiu do Metrô Tatuapé e era composto por muitas famílias, o ato na região da Avenida Paulista é quase todo jovem e lembra as manifestações de junho do ano passado.

O Greenpeace, que participou do ato, montou uma apresentação de slides e projetou em um prédio na esquina com a Consolação. Há referências aos operários mortos na construção dos estádios e aos custos da Copa do Mundo.

Professores

A Polícia Militar já fala em 8 mil manifestantes na manifestação dos profissionais da rede municipal de educação. A passeata que ocupa a Avenida 23 de Maio no sentido centro, já chega perto do região central. A manifestação é pela melhoria de salário e da carreira.
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.