Demitidos funcionários que atenderam idosa no chão

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 26/03/2014 18:07

Agência Estado

São Paulo, 26 - Três auxiliares de enfermagem foram demitidos nesta quarta-feira, 26, no Hospital Geral de Pedreira, na zona sul da capital paulista, após o jornal "Folha de S. Paulo" revelar que uma mulher de 87 anos foi atendida no chão na última quinta-feira.

Segundo a Secretaria de Saúde do Estado, uma sindicância foi aberta para apurar o atendimento à paciente. Outros funcionários do hospital podem ser demitidos, caso seja comprovada omissão ou negligência.

O caso também já foi encaminhado aos conselhos regionais de Medicina e Enfermagem para as providências cabíveis, disse a secretaria, que também afirmou considerar "inadmissível que pacientes sejam tratados de forma desumana e fora dos padrões estabelecidos para a assistência hospitalar".

A paciente de 87 anos, de acordo com a reportagem da "Folha de S. Paulo", esperou atendimento por seis horas no hospital e acabou passando por um procedimento de lavagem intestinal no chão, em uma sala sem camas ou macas.