12°/ 21°
Belo Horizonte,
28/JUL/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Jornalistas vão receber instruções de segurança A Secretaria Nacional de Segurança Pública fará um estudo sobre os equipamentos necessários para a proteção dos profissionais

Agência Estado

Publicação: 18/02/2014 23:14 Atualização:

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse nesta terça-feira que profissionais de comunicação receberão instruções sobre a maneira mais segura de fazer a cobertura de manifestações de rua no País. "A Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) fará um estudo sobre os equipamentos necessários para a proteção dos jornalistas. Também irá dialogar com os representantes dos jornalistas e das imprensas para que possamos prevenir novos incidentes", afirmou Cardozo, após se reunir com o ministro da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Thomas Traumann, e representantes da Associação Brasileira de Rádio e TV (Abert) e da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj). "A ideia do grupo é estabelecer políticas de Estado na área de segurança pública, para a proteção de profissionais na área de comunicação em geral. Sabemos que existem vários ilícitos que têm sido praticados tendo como vítimas jornalistas ao longo de manifestações ou fora delas", completou.

Foi o primeiro encontro do grupo de trabalho formulado na semana passada como consequência da morte do cinegrafista Santiago Andrade, da TV Bandeirantes, morto enquanto cobria uma manifestação no centro do Rio de Janeiro. Cardozo declarou que é importante que todas as atividades profissionais envolvidas nas manifestações, como jornalistas e policiais, façam um treinamento específico para saber como atuar nesses eventos. Para tanto, afirmou que será lançado um manual para padronizar a atuação conjunta desses profissionais. "A ideia é que neste regramento houvesse um capítulo específico sobre proteção de profissionais da área de imprensa, sobre a atuação da polícia com um conjunto de regras para orientar, tanto policiais, quanto jornalistas, sobre como proceder em face a situações onde há conflitos e intervenção da polícia"

Projeto

Sobre o projeto que o governo elabora para tentar diminuir a violência nas manifestações, Cardozo declarou que o texto deve ser encaminhado nos próximos dias. "Até o fim da semana o texto será fechado. Não é uma lei fácil de ser feita. Buscará tratar com rigor abusos, não importa de onde venham, de policiais ou manifestantes. Este projeto será encaminhado com regime de urgência à Câmara e caberá a mim e à ministra Ideli (Salvatti, das Relações Institucionais) dialogar com as lideranças do Congresso Nacional para encaminhar a votação"
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.