18°/ 28°
Belo Horizonte,
24/ABR/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Justiça afasta presidente da Mocidade Independente de Padre Miguel Paulo Clenio dos Santos Vianna é suspeito de cometer irregularidades na administração da agremiação

Agência Brasil

Publicação: 30/01/2014 22:39 Atualização:

A Justiça do Rio concedeu liminar afastando do cargo o presidente do Grêmio Recreativo Escola de Samba Mocidade Independente de Padre Miguel, Paulo Clenio dos Santos Vianna, até a conclusão do laudo de auditoria contábil da administração.

A medida cautelar foi proposta por cinco conselheiros, sob a alegação de que, como associados e membros do conselho consultivo da escola de samba, não poderiam ter sido impedidos de frequentar a sede e o barracão da escola, tendo sido expulsos sem justificativa e sem o devido direito de defesa. Ainda de acordo com os autores, haveria suspeita de irregularidades na administração, pois existe procedimento criminal apurando falsificações e formação de quadrilha envolvendo Paulo Vianna.

Na decisão, a juíza da 12ª Vara Cível da Cidade do Rio de Janeiro, Adriana Costa dos Santos, determinou que a escola de samba, primeiro réu da ação, apresente toda a documentação que culminou no afastamento dos autores do conselho consultivo, impedindo seu acesso às dependências do grêmio recreativo.

“A farta documentação juntada dá embasamento ao pedido autoral, estando presentes os requisitos para o deferimento da liminar requerida. Além disso, o afastamento cautelar não impede que, em momento posterior, o réu seja novamente reconduzido ao cargo se comprovada a sua boa administração”, informa a magistrada na liminar. Ainda cabe recurso da decisão.

Em nota, a Mocidade Independente de Padre Miguel diz que o presidente da escola, Paulo Vianna, só vai se pronunciar sobre a determinação da Justiça nesta sexta-feira, (31).

A Mocidade - escola do grupo especial - abrirá o desfile na segunda-feira de carnaval com homenagem ao carnavalesco Fernando Pinto, que morreu em 1987, em um acidente automobilístico no Rio, e ao estado natal dele, Pernambuco. Pinto trabalhou na escola de Padre Miguel, durante seis carnavais da década de 1980 e se sagrou campeão em 1985 (com o enredo Ziriguidum 2001, um Carnaval nas Estrelas). A Mocidade vai apresentar o estado nordestino sob a ótica de Fernando Pinto . O nome do enredo, Pernambucópolis, é uma adaptação do enredo de 1987, Tupinicópolis, data da morte do carnavalesco, que desenvolvia o enredo.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.