SIGA O EM

Saiba a diferença entre sidra, vinho frisante e outras bebidas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 273083, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Divulga\xe7\xe3o', 'link': '', 'legenda': 'Os vinhos lambrusco est\xe3o entre os frisantes mais populares', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2009/12/29/141911/20091229174529927274o.jpg', 'alinhamento': 'right', 'descricao': None}]

postado em 29/12/2009 15:22 / atualizado em 29/12/2009 20:27

Thiago Ventura

Divulgação
Várias opções no mercado de bebidas podem garantir o brinde de réveillon, com preços e gostos variados. No entanto, segundo o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), nem todas as bebidas podem ser consideradas um verdadeiro espumante.

A legislação brasileira prevê outras bebidas com as famosas borbulhas, como a sidra, filtrado doce, vinho gaseificado, vinho frisante, fermentado de frutas, além da bebida alcoólica mista. Todos podem garantir o brinde da virada.

Veja fotos na aba superior da notícia

Pela regulamentação, é obrigatório aos fabricantes deixar bem claro no rótulo das bebidas o nome do produto e não só a marca. Além disso, também é exigido que o volume e teor alcoólico estejam claramente expressos.

Conheça os tipos de bebidas "espumantes":

Vinho Frisante

O vinho frisante possui um pouco de gaseificação, que pode ser tanto obtida pela fermentação ou adicionada depois que pronto. Possui entre 7 e 14% de teor alcoólico. O método de obtenção das bolhas, natural ou artificial deve ser informado no rótulo.

Vinho Gaseificado

O vinho gaseificado parece com os espumantes, mas as bolhas são adicionadas pela introdução de anidrido carbônico puro. A lei exige que o termo “gaseificado” esteja claramente expresso no rótulo da garrafa.

Filtrado Doce

O filtrado doce foi criado na Itália e não é considerado um vinho, pois em geral é uma mistura de vinho com o mosto de uvas, parcialmente fermentado. As bolhas do filtrado doce surgem da adição de de anidrido carbônico. Possui no máximo 5% de teor alcoólico.

Sidra

A sidra é uma bebida feita pela fermentação única da maçã ou do suco concentrado. Geralmente possui teor alcoólico entre 4% e 8% por volume. A legislação brasileira permite que a bebida receba corantes e aromatizantes, além de ser gaseificada.

Fermentado de Frutas

A bebida é feita da fermentação de uma fruta ou combinação de frutos e tem entre 4 e 14% de teor alcoólico. Também pode receber corantes e aromatizantes e ser inclusive não-alcoólico. Entram nessa relação o hidromel, que é o fermentado de mel e o saquê, que é o fermentado de arroz.

Bebida Alcoólica Mista

A bebida alcoólica mista é uma mistura de várias bebidas, como a sangria, cooler e os coquetéis. A legislação permite ainda a adição de suco de frutas, xarope, leite ou outras substâncias. Tem entre 0,5 e 54% de teor alcoólico e pode ser gaseificada, adoçada e receber aditivos. (Portal Uai)

Clique aqui para baixar uma cartilha sobre espumantes (arquivo em PDF)

(Com informações do Ibravin)