Publicidade

Estado de Minas

Sobrevoo mostra trincas em talude da Mina Gongo Soco

A movimentação do talude que corre o risco de deslizar a qualquer momento na Mina de Gongo Soco, em Barão de Cocais, na Região Central de Minas Gerais, produziu trincas que são facilmente visíveis a olho nu e indicam o tamanho da movimentação do maciço. Essa situação ficou constatada por um vídeo gravado na segunda-feira, em que o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Germano Vieira, mostra as trincas durante sobrevoo pela região da mina. Segundo a secretaria, Vieira acompanhou diligência realizada por cinco deputados que integram a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara dos Deputados, sobre o rompimento da Barragem de Brumadinho.


postado em 29/05/2019 11:58

Erro ao renderizar o portlet: 00 - EM - Interna Noticia - Tags

Erro: 'App' object has no attribute '_getTags'
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade