Publicidade

Estado de Minas

Esta é a nova Fiat Strada! Mas, o que nós já sabemos sobre a picape?

Modelo será lançado em março, mas só deve chegar às concessionárias da marca a partir de abril. Confira os detalhes do projeto


postado em 15/02/2020 04:00

(foto: Fiat/Divulgação)
(foto: Fiat/Divulgação)


A Fiat enfim revelou uma imagem da nova Strada. O segredo vinha sendo bem guardado, mas uma imagem feita no set de filmagens do comercial da picape foi vazada e estimulou os italianos a dividirem uma foto oficial. Os contornos da nova Strada remetem à Toro – inclinação do para-brisa, volumes e proporções –, mas ela parece cheia de personalidade própria.
 
Sobretudo na dianteira, onde se destaca a grade alta cortada por três filetes duplos, com fundo em colmeia, ligadas pela logomarca cromada. A cereja do bolo é uma bandeirante da Itália na porção esquerda inferior. Já os faróis afilados com luzes de rodagem diurna de LED que invadem as laterais.
A frente em cunha parece potencializada por um aplique que remete à versão Adventure (como um para-choque de impulsão integrado), onde também se destacam as luzes de neblina. Os volumes do capô acompanham o movimento do painel dianteiro.
 
Primeiro teaser divulgado pela Fiat(foto: Fiat/Divulgação)
Primeiro teaser divulgado pela Fiat (foto: Fiat/Divulgação)
 
 
As caixas de roda dianteiras são muito volumosas e evocam ainda mais músculos. Os apliques em plástico que a emolduram, assim como em toda a parte de baixo da picape e o rack de teto integrado ao santantônio também sugerem a versão aventureira.
 
Enfim, a nova Strada não é Mobi e nem é Argo. É um pouco Toro (brincam que é "Bezerro"!), mas é muito ela mesma. A chegada da nova picape envelhece muito sua rival Volkswagen Saveiro e não deixa de “caducar” também a Strada original, o último derivado do Palio a ficar de pé.
 
A segunda geração da Strada será lançada em março, 24 anos depois da chegada do modelo original, que surgiu em 1996. A picape terá carroceria com cabine dupla e com quatro portas. Diferente do modelo atual, cuja versão cabine dupla tem três portas e capacidade para apenas quatro ocupantes, a nova levará cinco pessoas.
 
Já a Strada de cabine simples terá espaço atrás dos bancos para carregar pequenos volumes (como as estendidas), além de vidros vigia atrás das janelas. O porte da nova Strada será um pouco mais generoso que o modelo atual, o que dá condição de ter mais espaço interno e área de caçamba.
Além do tradicional motor 1.4 Fire, com até 88cv de potência e 12,5kgfm de torque (com etanol), haverá a opção de motor 1.3 Firefly, com até 109cv e 14,2kgfm (e).
 
O fato da plataforma da velha Strada ter sido parcialmente mantida não chega a ser ruim, já que ela é reconhecida por sua robustez e capacidade para o trabalho, incluindo a suspensão traseira tipo eixo rígido. Existe ainda a chance da atual geração da Strada coexistir com a nova picape como opção de entrada.


Publicidade