Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

As melhores brigas do ano


postado em 05/01/2019 05:05

Aos 48min do segundo tempo, Hyundai Creta tomou a liderança dos SUVs compactos(foto: Edésio ferreira/em/d.a press)
Aos 48min do segundo tempo, Hyundai Creta tomou a liderança dos SUVs compactos (foto: Edésio ferreira/em/d.a press)



O universo automotivo é repleto de rivalidades, com brigas acirradas entre determinados modelos. Com o fechamento dos registros de 2018, divulgados pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), já é possível ver “quem” se deu bem em cada uma dessas disputas. Um bom exemplo são Hyundai HB20 e Ford Ka, que brigaram pela segunda colocação geral (já que o campeão Onix vendeu mais que os dois juntos), tendo o compacto coreano se dado melhor por 2.221 unidades. Vamos ver de perto outras brigas boas?

HR-V X CRETA
O segmento dos SUVs compactos está a cada dia mais disputado, mas até hoje a supremacia do Honda HR-V (com 47.959 emplacamentos) era inquestionável. Era! O modelo da Honda passou por uma reestilização em novembro, e, neste hiato, o Hyundai Creta (48.976) passou na frente por 1.017 unidades. Se dormisse mais um pouco, aí é que o cachimbo do HR-V cairia mesmo, já que o Nissan Kicks (com 46.812 emplacamentos) e Jeep Renegade (46.344) chegaram bem perto.


MUSTANG X CAMARO
Dá gosto saber que em 2018 nada menos que 988 Ford Mustang ganharam as ruas brasileiras, um megaconstraste em relação ao Chevrolet Camaro, que somou apenas 93 unidades durante o ano. Mas (quase) tudo tem explicação. No caso do Mustang, o entusiasmo de um “namoro” que demorou a se concretizar, enquanto o Camaro passou o ano todo à espera de uma reestilização. Vamos aguardar o resultado de 2019.

COROLLA X CIVIC
A rivalidade entre o Toyota Corolla e o Honda Civic é histórica, apesar de o “vovô” (o primeiro) levar a melhor há vários anos. Para se ter ideia da superioridade, ao longo do ano foram vendidas 59.062 unidades do Corolla, contra 25.942 do Civic, marca que o sedã da Toyota já tinha ultrapassado em junho.

HATCHES MÉDIOS X MORTE
Segmento em vias de desaparecer, o de hatches médios foi liderado pelo Chevrolet Cruze Sport6, que soma deprimentes 5.535 emplacamentos. O VW Golf vem atrás, com lamentáveis 3.070 unidades. O Focus ficou em terceiro, com tétricos 2.933 emplacamentos, além do anúncio feito pela Ford de que o modelo deixa de ser produzido na Argentina, de onde vem para o Brasil. Mas algumas coisas têm explicação. O preço inicial desses modelos varia entre R$ 78.100 (Focus) e R$ 97.790 (o Cruze).

KWID X MOBI
Tirando os carros chineses, no Brasil temos dois modelos de entrada: Renault Kwid (a partir de R$ 32.490) e Fiat Mobi (R$ 32.590). Sim, são caros e pouco equipados, mas é o que temos. Nesse embate, o Kwid levou por 67.320 a 49.491 emplacamentos do Mobi. O VW up! é que resolveu jogar a toalha, ao deixar de oferecer sua versão de entrada, sendo vendido agora a partir de R$ 52.860, vendendo apenas 20.563 unidades. Apesar da qualidade superior em relação aos demais, será difícil continuar com o modelo assim.

VIRTUS X CRONOS
Ambos lançados no início de 2018, foi o VW Virtus que levou a melhor, com 41.634 emplacamentos, contra 29.307 do Cronos. Mesmo com uma diferença de dois meses entre os lançamentos, Virtus em janeiro e Cronos em março, a diferença dá vantagem ao modelo da Volkswagen. O terceiro lugar entre os compactos premium ficou com o Chevrolet Cobalt, com 21.488 unidades vendidas. Quem ainda se destacou foi o Toyota Yaris sedã, que, mesmo lançado em junho, conseguiu 13.674 emplacamentos, encostando no Honda City, que, mesmo reestilizado, alcançou 14.900 unidades vendidas.

POLO X ARGO
Na briga entre VW Polo e Fiat Argo, deu o hatch alemão: 69.584 contra 63.011 unidades. O segmento dos compactos premium ganhou em junho o Toyota Yaris, que somou 18.584 emplacamentos, mais que o Ford Fiesta, que, mesmo disputando o ano inteiro, conseguiu apenas 14.505 unidades.

TORO X PICAPES
No segmentos das picapes intermediárias, a Fiat Toro continua espancando a Renault Oroch: 58.477 a 18.766 emplacamentos. E olha que a diferença entre as versões de entrada dos dois modelos é de R$ 20 mil – R$ 92.990 da Toro e R$ 72.890 da Oroch.


Publicidade