Publicidade

Estado de Minas SAN CARLOS DE BARILOCHE

No clima do verão

Cidade Argentina também se destaca pelos lagos, montanhas, aventuras e gastronomia


postado em 07/01/2020 04:00

O Lago Nahuel Huapi tem cenários incríveis para relaxar ou praticar esportes aquáticos(foto: Emerson de Oliveira/Divulgação)
O Lago Nahuel Huapi tem cenários incríveis para relaxar ou praticar esportes aquáticos (foto: Emerson de Oliveira/Divulgação)

 
Considerada a “Suíça da América do Sul”, a porta de entrada da Patagônia tem atrações na estação mais quente do ano que a tornam única. A influência europeia em sua história, com sua arquitetura, é inegável, mas o charme de Bariloche passa também pela diversidade de suas paisagens, que vão desde a estepe (o deserto da Patagônia) até lagos, cachoeiras, florestas e montanhas.
 
Bariloche ostenta temperaturas que atingem 30 graus durante o verão, possibilitando que o turista aproveite a praia e a montanha igualmente. O Lago Nahuel Huapi, por exemplo, tem cenários incríveis para relaxar em suas margens, ou também diversão para quem gosta de caiaques, stand up paddle e equipamentos de mergulho, entre outros esportes aquáticos.
 
Cada estação tem seu charme e uma maneira diferente de viver o destino. No entanto, o verão é um dos momentos que permitem maior variedade de atividades, pois o clima acompanha.

ABRIGOS DE MONTANHA O circuito que forma as praias de lago, com trilhas para trekking, bicicletas e espaços gastronômicos, são alguns dos motivos que fazem de Bariloche um dos destinos mais escolhidos.
 
A mais importante rede de abrigos de montanha da Argentina está em Bariloche. Todos os anos, esses cenários são visitados por milhares de turistas que vêm de todo o mundo para se maravilhar com suas trilhas, vistas e cursos de água que fazem a pessoa se sentir que o céu está realmente à mão. O sol acompanha cada passo e as estrelas testemunham uma verdadeira aventura irrepetível na vida de cada caminhante.
 
Uma das peculiaridades dessa verdadeira “rede” de abrigos é que todos são conectados por caminhos que permitem a sua união sem precisar retornar à cidade.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade