Publicidade

Estado de Minas

Segurança máxima para não sair no prejuízo

Vai passar a virada de ano em hotéis e resorts? Fique atento e veja como se precaver para não ser roubado


postado em 24/12/2019 04:00

Na noite da virada, lembre-se de tomar cuidado com seus pertences ao curtir a queima de fogos na praia(foto: MAURO PIMENTEL/AFP)
Na noite da virada, lembre-se de tomar cuidado com seus pertences ao curtir a queima de fogos na praia (foto: MAURO PIMENTEL/AFP)

 
Dinheiro, smartphones, notebooks e joias são alguns dos itens mais roubados nesta época do ano. “Em estabelecimentos localizados à beira-mar, esse tipo de ação tem maior probabilidade de acontecer, pois os hóspedes e turistas disputam pelo mesmo espaço durante a contagem regressiva para o ano-novo e a queima dos fogos. Dessa forma, um pequeno descuido por parte dos funcionários é o suficiente para um meliante entrar despercebido nos quartos ou até agir nas áreas comuns, como na piscina”, afirma o superintendente de Operações do Grupo GR, Marcelo Voltolin.
Como recomendação do especialista do Grupo GR, os hotéis precisam ser mais rigorosos no controle de entrada e saída dos hóspedes, evitando assim que os não clientes entrem despercebidos. Vale mencionar também que é de extrema importância observar as pessoas que permanecem um longo período no hall, recepção ou até mesmo no café sem objetos (bolsa, sacolas etc.). “O treinamento da equipe e a orientação adequada aos hóspedes são a chave para um entretenimento mais seguro”, afirma Voltolin. “Por exemplo, entregar um folheto com os fundamentos básicos de segurança é uma iniciativa muito valorizada pelos hóspedes”, acrescenta o especialista.

Confira abaixo 7 dicas de 
segurança para o réveillon:

1. Antes de utilizar o quarto, faça uma vistoria e verifique se está tudo em ordem: porta, janelas, chuveiros, armários, torneiras cofres etc. Lembre-se: antecipar-se a possíveis problemas trará a você, hóspede, conforto e segurança imediatos;

2. Quando estiver no quarto não abra a porta para ninguém sem certificar-se de que, de fato, aquela visita ou até mesmo um pedido/entrega seja para você;

3. Não deixe objetos de valor como joias e notebooks espalhados pelo local ou até mesmo em gavetas. O ideal é acomodá-los no cofre. Caso o hotel não disponibilize esse serviço, mantenha seus pertences de valor dentro de uma mala fechada com cadeado;

4. Evite levar smartphones para áreas de praia e piscina. Se levá-los, tenha certeza de que alguém está olhando seus pertences na hora do mergulho;

5. Ao sair do hotel, solicite seu transporte individual com antecedência, ou peça ao hotel para realizar o agendamento. Se for a pé, não demostre que está procurando um endereço dando a conotação de que está perdido ou desatento. Bandidos adoram aproveitar esse momento para agir;

6. Não use bolsos traseiros para carregar carteira, celular ou dinheiro, muito menos mochilas nas costas, com bolsos fáceis de ser manuseados;

7. Nunca deixe carteiras, celulares ou objetos pessoais sobre as mesas e cadeiras de quiosques, bares ou restaurantes. Cuidado ao deixar as bolsas também, dê preferência por colocá-las em seu colo para não ficar à vista do meliante.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade