Publicidade

Estado de Minas

Minas é classe A

Estado tem 471 municípios no novo Mapa do Turismo Brasileiro


postado em 24/09/2019 04:00 / atualizado em 23/09/2019 15:49

Recentemente revitalizado, o viaduto Santa Tereza é um dos cartões-postais de Belo Horizonte(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
Recentemente revitalizado, o viaduto Santa Tereza é um dos cartões-postais de Belo Horizonte (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)

 
 
O Ministério do Turismo (MTur) publicou, recentemente, o novo Mapa do Turismo Brasileiro. Minas Gerais está no relatório com 471 municípios validados, distribuídos em 44 Instâncias de Governança Regionais. Três cidades mineiras estão na categoria “A”: Belo Horizonte, Poços de Caldas e Uberlândia, uma conquista para o trade turístico desses municípios e também um reconhecimento para receber investimentos no setor.
 
Segundo informações do MTur, esta categorização dos municípios turísticos, que vai de A a E, é um instrumento de acompanhamento do desempenho das economias turísticas locais. Além disso, ela subsidia a priorização de investimentos por programas do ministério, incluindo ações de infraestrutura turística, qualificação profissional e promoção dos destinos, observando características peculiares de demanda e vocação turística.
 
Para classificar as cidades, o Mapa utiliza cinco variáveis objetivas diretamente relacionadas à economia do turismo: quantidade de estabelecimentos de hospedagem; quantidade de empregos em estabelecimentos de hospedagem; quantidade estimada de visitantes domésticos; quantidade estimada de visitantes internacionais; e arrecadação de impostos federais a partir dos meios de hospedagem. As fontes foram a Relação Anual de Informações Sociais (Rais 2017/Ministério de Economia), a Pesquisa de Demanda Doméstica 2012 MTur/Fipe e a Pesquisa de Demanda Internacional 2017 –MTur/Fipe.
 
Além da necessidade de o município ter um órgão de turismo em atividade e conselho municipal funcionando, o novo Mapa adotou outros critérios obrigatórios para a participação na plataforma: orçamento próprio destinado ao turismo e ter prestadores de serviços turísticos de cadastro obrigatório registrados no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), do Ministério do Turismo.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade