Publicidade

Estado de Minas

Inhotim realiza exposição de orquídeas neste fim de semana

Exposição de Orquídeas tem cerca de 400 plantas de diferentes espécies, algumas raras e exóticas


postado em 27/08/2019 15:00 / atualizado em 26/08/2019 17:13

Largo das Orquídeas, onde plantas da espécie Cattleya walkeriana são cultivadas no tronco das palmeiras (foto: William Gomes/Divulgação)
Largo das Orquídeas, onde plantas da espécie Cattleya walkeriana são cultivadas no tronco das palmeiras (foto: William Gomes/Divulgação)

 
As orquídeas integram uma das mais importantes coleções botânicas do Inhotim, com centenas de exemplares de diversas formas, cores e aromas. Trazendo destaque para essas espécies, o Instituto Inhotim promove a 1ª Exposição de Orquídeas no Inhotim, em 30 e 31 de agosto e 1º de setembro, em parceria com a OrchidBrazil. A exposição será no Espaço Igrejinha e é gratuita. Além disso, contará com atrações musicais, oficinas, premiações e visitas guiadas.
 
Há muitas espécies de orquídeas nos mais de 140 hectares de visitação do espaço, além de serem encontradas em dois dos sete jardins temáticos – o Vandário e no Largo das Orquídeas, local em que a espécie Cattleya walkeriana, uma das mais cobiçadas pelos colecionadores, é cultivada no tronco das palmeiras.
 
Cattleyas, orquídeas híbridas e exóticas, estarão em exposição. As orquídeas expostas são das espécies Cattleya walkeriana, Cattleya nobilior, Cattleya sazonal; orquídeas híbridas, micro-orquídeas e orquídeas exóticas. Durante o evento, um júri especializado vai premiar algumas delas.“Os expositores são como artistas e as orquídeas, obras de arte cultivadas para o público apreciar e admirar”, compara André Cavasini, sócio-proprietário da OrchidBrazil e especialista nesse grupo de plantas.
 
Outro expositor será o monitor do Inhotim Luan Almeida, de 28 anos. O morador de Brumadinho é orquidófilo há 14 anos, quando ganhou sua primeira orquídea, e vai ministrar a visita temática gratuita “Mãos que fazem o Inhotim”, em 31 de agosto, com foco nas espécies do Instituto. Em sua coleção particular, ele tem mais de 800 plantas. “É muito bom ter a chance de compartilhar as belezas das minhas orquídeas e meus conhecimentos sobre elas com os meus colegas e com o público”, comenta.
 
PROGRAMAÇÃO

30/8 (sexta)
Exposição das 10h às 16h30
15h – Abertura oficial e ensaio aberto da Escola de Cordas do Inhotim

31/8 (sábado)
Exposição das 10h às 17h30
Das 10h30 às 12h – Visita mediada 
“Mãos que fazem o Inhotim”, com 
Luan Almeida. Saída da recepção

Das 11h às 12h e das 15h às 16h – Oficina de cultivo de orquídeas. No Largo 
das Orquídeas

1º/9 (domingo). Exposição 
das 10h às 17h30
Das 11h às 12h e das 15h às 16h – Oficina de cultivo de orquídeas. 
No Largo das Orquídeas

Às 16h15 – Premiação das orquídeas vencedoras e encerramento da exposição
O valor da inscrição para as oficinas é de R$ 40, e o participante ganha a orquídea utilizada no manejo. info@inhotim.org.br. 


Publicidade