Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Experiência e saber

Mergulhe num passado de histórias das terras lusitanas e deguste a bebida que é patrimônio cultural de Portugal


postado em 16/04/2019 05:08

Em cada uva uma história que ultrapassa fronteiras, em cada garrafa séculos de tradição. O vinho do Porto, considerado um dos tesouros de Portugal, é na sua essência, um patrimônio cultural de experiências e saberes que gerações e gerações acumularam ao longo dos séculos.
Os primeiros relatos do cultivo da vinha na Região Demarcada no Vale do Douro, que fica a cerca de 100 quilômetros a leste da cidade do Porto – a mais bela e antiga paisagem vinícola do mundo –, aparecem nos escritos gregos, durante o período da ocupação romana. Mas apenas no século 17  os vinhos licorosos, que apresentavam características marcantes em cor, sabor e aroma, ganharam a denominação “Porto”, uma referência à cidade portuária.
À margem Sul do Rio Douro estão localizadas as principais caves de Vinho do Porto e, por entre caminhos de pedras e construções seculares, onde as suas paredes murmuram pedaços da história, temos a oportunidade de libertar nossa imaginação, numa verdadeira viagem ao tempo. Por outro lado, também nos revelam modernidade, através das remodelações desses espaços e do aprimoramento na produção de um vinho fortificado que é hoje apreciado por todos.
Para além, claro, de conhecer os detalhes da produção, do envelhecimento e do armazenamento do vinho, que é feito numa temperatura fria e ideal para o seu padrão de qualidade, a visita às caves com guias altamente profissionais terminam sempre com uma deliciosa prova dos melhores vinhos do Porto –, o que nos faz aprender a diferenciar os seus aromas, as cores e os sabores. Além disso, algumas delas têm terraços fantásticos, que nos proporcionam o privilégio de realizar as provas com uma vista para o Porto que encanta.
Entretanto, quando se fala em vinho do Porto, uma marca de referência é a Symington – Family Estates. Uma empresa familiar gerida pela quarta e quinta gerações, de origem britânica, mas de coração português, que vive e trabalha em Portugal desde o século 19, apreciando a vinicultura e, muito em particular, o Douro como muito poucos. Atualmente, são um dos maiores proprietários vinícolas do país, detendo as principais marcas – Graham’s, Cockburn’s, Dow’s e Warre’s.
Segundo Pedro Leite, diretor de marketing da Symington, “cada marca tem uma história peculiar para contar, todos os seus vinhos têm notas e sabores nobres e distintos, garantindo ao visitante uma experiência única de enoturismo de forma dinâmica, viva e atual – são verdadeiras butiques winerys!”.
Portanto, para os mais apaixonados por enoturismo ou que seja simplesmente apreciador, ao visitar Portugal e a cidade do Porto, um dos locais mais típicos e famosos para conhecer são as célebres caves em Vila Nova de Gaia. Dessa forma, rodeado de pipas e tonéis, você poderá mergulhar num passado de histórias das terras lusitanas e em toda uma época áurea do país, além de desvendar os mistérios desse néctar dos deuses tão aclamado: o vinho do Porto!


Publicidade