Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Patrimônio natural de Minas

A região abriga um singelo povoado e um gigantesco ambiente de montanhas e matas fechadas, integrando roteiros turísticos, culturais, históricos, ecológicos e gastronômicos do estado


postado em 04/12/2018 05:03

A Matriz da Igreja de Nossa Senhora da Conceição foi construída no final do século 17 (foto: MARDEN COUTO/TURISMO DE MINAS/divulgação)
A Matriz da Igreja de Nossa Senhora da Conceição foi construída no final do século 17 (foto: MARDEN COUTO/TURISMO DE MINAS/divulgação)


Privilegiado por belezas naturais que proporcionam paisagens inesquecíveis, o distrito de Conceição do Ibitipoca é um lugarejo ideal para amantes do contato íntimo com a natureza. Pertencente à cidade de Lima Duarte, na Zona da Mata mineira, está a cerca de 270 quilômetros de Belo Horizonte. A região é envolta de um singelo povoado e de um gigantesco ambiente natural de montanhas e matas fechadas, integrando roteiros turísticos, culturais, históricos, ecológicos e gastronômicos de Minas.

Considerado um dos mais antigos povoados de Minas Gerais, a história da vila está ligada à descoberta de ouro no Rio do Peixe. As ruas de pedra sugerem um caminho a percorrer pela história da cidade.

Quem passa pelo distrito observa um colorido peculiar das casas. Conceição mantém o clima ameno e tranquilo de uma cidade do interior. Tudo é simples e ao mesmo tempo exuberante. E o melhor, a boa e velha comida mineira garante aquela prosa nos restaurantes e pousadas da região com uma culinária raiz. A vila fica movimentada nos fins de semana, feriados e no período de recesso, em que recebe diversos turistas a fim de descobrir os encantos do local.

Como toda cidade mineira, um dos destaques é a Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição, primeira construção, do final do século 17, com uma arquitetura rudimentar e simples. Uma característica do templo é a sineira separada do corpo da igreja. Séculos depois, a Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos construiu, em homenagem à padroeira, um singelo templo em pau a pique: a Igreja de Nossa Senhora do Rosário.

Identidade de Ibitipoca

No distrito de Ibitipoca há restaurantes para todos os apetites e sabores. Gastronomia que vai desde a tradicional comida caseira feita no fogão a lenha a pratos gourmet. Para quem procura uma boa refeição após uma caminhada pela vila, opção é o que não falta. Um bom vinho também compõe a mesa dos restaurantes aos pés da serra. A valorização dos produtos da terra e as tradições gastronômicas da região resgatam e fortalecem a identidade de Ibitipoca. Para acompanhar a cultura local são realizados alguns eventos anuais, atraindo turistas de todos os cantos do Brasil, principalmente mineiros e cariocas, pela proximidade. Como o tradicional Luau, que ocorre em maio, o Ibitipoca Jazz Festival, em julho, um dos eventos mais movimentados do distrito, que conta com atrações musicais e barracas. Além do Ibitipoca Blues, em agosto e o Sabores da Serra, em outubro, que reúne palestras, estandes, música, dança, workshops e, é claro, muita comida.


Publicidade