Publicidade

Estado de Minas

Caçadores e agricultores coexistiram durante longo tempo na Idade da Pedra


postado em 11/10/2013 10:49

WASHINGTON - As tribos de caçadores-coletores conviveram com agricultores sedentários durante mais de 2 mil anos durante a Idade da Pedra no centro da Europa, por muito mais tempo do que se estimava, revela um estudo publicado nesta quinta-feira.

Após este período de coexistência, os caçadores desapareceram ou se converteram em sedentários, explicaram os antropólogos europeus e australianos encarregados do estudo, que foi publicado na revista americana Science.

Os cientistas analisaram o DNA e os isótopos de ossos encontrados em uma cova na região de Hagen, na Alemanha, que foram datados através do carbono 14.

Em geral, se acredita que "as tribos de caçadores-coletores da Europa desapareceram pouco depois da chegada dos agricultores", disse Ruth Bollongino, do Instituto de Antropologia da Universidade de Mainz, na Alemanha, principal autora do trabalho.

Mas o estudo revela que os descendentes "dos primeiros europeus mantiveram de fato seu modo de vida de caça e coleta por ao menos mais 2 mil anos na Europa central", explicou.

Esta coexistência persistiu até há cerca de 5 mil anos, muito tempo depois do que se pensava.

"Até há cerca de 7.500 anos, todos os habitantes da Europa central eram caçadores-coletores", disse Mark Thomas, professor de genética da Universidade College de Londres. "Eles descendiam da primeira onda de humanos que chegou à Europa, há 45 mil anos".

Este estudo "demonstra que estes caçadores-coletores também sobreviveram à primeira onda de agricultores vinda do sul do continente europeu, há 7.500 anos...".

A partir deste período, há muito poucos rastros de caçadores-coletores nos arquivos arqueológicos, o que faz pensar que estes grupos decaíram rapidamente ou foram absorvidos pelas populações de agricultores, assinalaram os autores.

 

 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade