Publicidade

Estado de Minas SÉRIE A

Atlético // Dar um basta na má fase

Sem vencer há quatro partidas, Atlético recebe o xará goianiense no Independência para tentar retomar os bons resultados. Conta com o retorno do artilheiro Hulk


14/05/2022 04:00 - atualizado 13/05/2022 23:19

Na avaliação do zagueiro Junior Alonso, Galo precisará de paciência para romper as linhas defensivas do Atlético-GO no Horto
Na avaliação do zagueiro Junior Alonso, Galo precisará de paciência para romper as linhas defensivas do Atlético-GO no Horto (foto: PEDRO SOUZA/ATLÉTICO)

O torcedor do Atlético se desacostumou a acompanhar a equipe em momentos de instabilidade. Desde meados de 2020, o time vem brigando por título em todas as competições que disputa. Mas, após começo ruim no Campeonato Brasileiro, o alvinegro tenta espantar a má fase. Com apoio da Massa no Independência, o Galo recebe o vice-lanterna, Atlético-GO, às 19h de hoje, para tentar encerrar a série de quatro jogos sem vencer na competição.

Depois de um começo com duas vitórias, o Atlético caiu de rendimento no Brasileirão. Na sequência sem triunfar ocorreram três empates (2 a 2 com Coritiba e Goiás, e 1 a 1 com o Bragantino) e derrota por 2 a 1 para o América. Mas, apesar do momento ruim, na avaliação do técnico Antonio Mohamed, a equipe reagiu bem ao revés diante do Coelho e fez um bom jogo em Bragança Paulista.

Apontado como favorito no início da competição, o Atlético ocupa apenas a sexta posição no torneio – além disso, tem um duelo a mais que a maioria dos concorrentes. O adversário desta noite também não começou bem a disputa. O representante goiano é o vice-lanterna, com três empates em cinco compromissos. 

FECHADOS O capitão Junior Alonso, que completou 100 jogos com a camisa do Atlético diante do Bragantino, espera um confronto complicado. O paraguaio imagina que a equipe goiana jogará bem fechada no Independência e diz que o Galo precisa ter paciência para conseguir furar o bloqueio adversário.

“O Goianiense acho que vai jogar como sempre. Tentando fechar as linhas, ser um time competitivo. Os um contra um são muito importantes também. No ano passado, eles ganharam na casa deles, 2 a 1. Todo mundo lembra disso. Mas nós temos a obrigação de fazer um grande jogo e quebrar as linhas deles. Ter paciência também para fazer a circulação de bola. Sabemos que não vai ser um jogo fácil. Então, a gente vai tratar de fazer um grande jogo para conseguir a vitória contra um rival difícil”, disse.

O técnico Turco Mohamed aprovou a atuação do Atlético no empate com o Massa Bruta, especialmente pelo desempenho da equipe no segundo tempo. Diante disso, o treinador argentino pode repetir quase toda a escalação da última partida. A única mudança deve ser o retorno do artilheiro Hulk. Ele estava suspenso diante dos paulistas. Eduardo Sasha foi o escolhido para a vaga.


ATLÉTICO X ATLÉTICO-GO

Atlético
Everson; Guga, Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair, Zaracho e Nacho Fernández; Keno e Hulk
Técnico: Antonio Mohamed
Atlético-GO
Ronaldo; Hayner, Ramon Menezes, Wanderson e Jefferson; Marlon Freitas, Baralhas e Shaylon; Léo Pereira, Luiz Fernando e Wellington Rato
Técnico: Umberto Louzer
6ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Estádio: Independência
Horário: 19h
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)


Atleticana...
Venda do shopping vai a voto

Em documento assinado por Castellar Modesto Guimarães Filho, presidente do Conselho Deliberativo, o Atlético convocou os conselheiros para reunião extraordinária em 30 de maio que votará a proposta de venda de 49,9% do Diamond Mall. Para aprovar a medida é necessária a concordância de dois terços dos conselheiros, o equivalente a 280. O valor avaliado é de R$ 363,2 milhões. A diretoria vem apresentando diversos estudos sustentando que a venda da parte que detém no shopping é solução para o clube diminuir dívidas onerosas. O Galo pagou, no ano passado, cerca de R$ 87 milhões em juros.


O adversário
Ainda sem ganhar

O Atlético-GO ainda está em busca da primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Um resultado positivo hoje é importante também por representar a reabilitação após o time ser derrotado no clássico para o Goiás. O técnico Umberto Louzer tem um desfalque confirmado: o meia Jorginho, suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo. Baralhas deve ser o seu substituto.




*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade