Publicidade

Estado de Minas

Oportunidade de reconquistar a vice-liderança


21/11/2020 04:00

O América, do goleiro Matheus Cavichioli, visita o Operário: time tenta quebrar jejum para avançar na tabela(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press - 20/10/20)
O América, do goleiro Matheus Cavichioli, visita o Operário: time tenta quebrar jejum para avançar na tabela (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press - 20/10/20)

 

Lucas Bretas*

Em busca sua primeira vitória no returno da competição, o América enfrenta o Operário-PR hoje, às 16h30, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa-PR. O adversário vem de sequência positiva na Série B do Campeonato Brasileiro, com dois triunfos consecutivos e três partidas de invencibilidade.

 

Este duelo da 22ª rodada é também uma oportunidade para o Coelho tentar retomar a vice-liderança, já que o Sampaio Corrêa perdeu ontem para a Chapecoense por 3 a 1. Em contrapartida, os 5 a 0 do Juventude sobre o Paraná colocaram os gaúchos à frente do alviverde mineiro, também com 37 pontos, agora em quarto lugar. Um tropeço poderia representar a saída do G-4, dependendo do resultado de Cuiabá diante do CSA.

 

Nos últimos três jogos, a equipe de Lisca somou dois empates (com Cuiabá, em 0 a 0, e Ponte Preta, em 1 a 1) e uma derrota (contra o Avaí, por 1 a 0). Ainda assim, vive um dos momentos mais especiais de sua história. Avançou às semifinais da Copa do Brasil pela primeira vez, ao eliminar o Internacional na quarta-feira, no Independência.

 

Há dúvidas na formação inicial para o confronto. Após o jogo contra o Inter, Lisca revelou que deve preservar alguns jogadores devido à pesada sequência de jogos nas duas principais competições nacionais. “Agora é ter calma, ter cautela, recuperar jogadores. Provavelmente, vamos ter de dar uma alterada na equipe”, disse o treinador americano. Dois desfalques são certos para o Coelho: o volante Zé Ricardo, que teve lesão diagnosticada na coxa esquerda, e o meia-atacante Guilherme, que trata de contusão no ombro. Os atletas seguem em recuperação no CT Lanna Drumond, em Belo Horizonte.

 

Já o Operário não poderá contar com o volante Leandro Vilela, suspenso por ter levado o terceiro cartão amarelo. Jiménez e Mazinho são os principais cotados para assumir a vaga.

 

Outras perdas foram por causa do coronavírus. Na quinta-feira, o volante Douglas Santos, o meia Jean Carlo e o atacante Douglas Coutinho testaram positivo para COVID-19. Segundo o clube, o trio está assintomático e permanece em isolamento social.

 

No setor defensivo, outras duas ausências: o zagueiro Ricardo Silva, ex-América, segue em recuperação de uma entorse no tornozelo sofrida na 20ª rodada, contra o Figueirense. Por sua vez, o lateral-esquerdo Julinho também está no departamento médico, em tratamento de fratura no cotovelo.

 

*Estagiário sob a supervisão do subeditor Eduardo Murta

 

 

Operário-PR

Thiago Braga; 

Alex Silva, Bonfim, Sosa e Fabiano; Jiménez (Mazinho), Marcelo e Tomas Bastos; Diego Cardoso, Ricardo Bueno e Thomaz

 

Técnico: Matheus Costa

 

América

Matheus Cavichioli; Diego Ferreira (Daniel Borges), Messias, Anderson (Eduardo Bauermann), João Paulo; Flávio, Juninho, Geovane (Alê); Ademir (Léo Passos), Felipe Azevedo (Felipe Augusto) e Rodolfo

 

Técnico: Lisca 

 

22ª rodada da Série B do Brasileiro

Estádio: Germano Krüger

Horário: 16h30

Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)

Assistentes: Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP) e Fabrini Bevilaqua Costa (SP)

TV: SporTV e pay-per-view 

Volante sondado

Apesar de o técnico Lisca ter revelado interesses de Palmeiras, Flamengo e Atlético pelo volante Zé Ricardo, de 24 anos, o América confirmou ao Estado de Minas que apenas o clube paulista sondou a situação do jogador. Ainda assim, nas palavras de Paulo Bracks, diretor de Futebol do clube, “o contato não evoluiu para uma proposta concreta”. A janela para contratações na Série A do Campeonato Brasileiro se fechou ontem. Em cenário internacional, o período para transferência nas principais ligas do mundo também está encerrado. Logo, a tendência é que Zé Ricardo permaneça no América ao menos até o fim da Série B, em janeiro. 

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade