Publicidade

Estado de Minas

Fla derruba Mano e encerra Era Mattos


postado em 02/12/2019 04:00

No Allianz Parque, Gabriel marcou duas vezes nos 3 a 1 do Flamengo sobre o Palmeiras(foto: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO)
No Allianz Parque, Gabriel marcou duas vezes nos 3 a 1 do Flamengo sobre o Palmeiras (foto: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO)

O Flamengo venceu o Palmeiras por 3 a 1 no Allianz Parque e, de quebra, derrubou o técnico Mano Menezes, que dirigia sua 20ª partida. O duelo resumiu a diferença dos dois times ao longo de todo o Campeonato Brasileiro. O diretor de futebol Alexandre Mattos também não resistiu à sucessão de maus resultados e também foi demitido.

O campeão marcou a saída de bola do rival, mostrou belo jogo coletivo pela 36ª rodada, tocou de primeira e contou com grandes atuações individuais, especialmente de Gabriel e Arrascaeta, os autores dos gols. Mesmo acertando duas bolas na trave, o Palmeiras dependeu demais de Dudu. A torcida do Verdão, única no estádio, vaiou protestou e chegou a arremessar os assentos das cadeiras no gramado.

O resultado foi parecido com o do primeiro turno, no Maracanã (3 a 0), e que levou à demissão do técnico Luiz Felipe Scolari. Se o adversário vive um momento de turbulência, sem ganhar há três compromissos, o rubro-negro continua sua campanha particular para quebrar recordes. Com invencibilidade de 28 jogos, tem o melhor ataque da história dos pontos corridos (80 gols). O artilheiro Gabriel Barbosa chegou aos 24, outro recorde, ao marcar duas vezes ontem. De Arrascaeta fez o primeiro, e, no fim, Matheus Fernandes descontou.

Em jogo com final polêmico e um gol sofrido aos 47min do segundo tempo, o Fluminense perdeu a chance de ficar ainda mais próximo da permanência na elite ao empatar com o já rebaixado Avaí por 1 a 1, na Ressacada. Depois de sair na frente aos 36min, com gol de cabeça de Marcos Paulo, o resultado deixa o time carioca na 15ª colocação, com 42 pontos, seis a mais do que o Cruzeiro.

Na Vila Belmiro, o Santos se isolou na vice-liderança ao vencer a rebaixada Chapecoense por 2 a 0, gols de Lucas Veríssimo e Evandro. Em Porto Alegre, o Grêmio goleou o São Paulo por 3 a 0. Luciano (dois) e Alisson marcaram.

SUL-AMERICANA

 O Fortaleza disputará na próxima temporada sua primeira competição internacional em 101 anos de história. O time comandado por Rogério Ceni venceu o Goiás por 2 a 1 no Serra Dourada (gols de Bruno Melo e Osvaldo, com Rafael Moura diminuindo) e garantiu vaga na Sul-Americana. Com 49 pontos, as equipes têm chances remotas de classificação à Libertadores.

No Estádio Rei Pelé, em Maceió, o CSA praticamente selou a queda para a Segunda Divisão ao perder por 2 a 1 para o Bahia. Gilberto abriu o placar para os baiano, Nilton empatou, e Arthur Kaíke marcou o da vitória.


Publicidade