Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Gigantes no masculino e surpresa no feminino


postado em 07/06/2019 04:08

A norte-americana Amanda Anisimova, de 17 anos, bateu a atual campeã Simona Halep e está na semifinal(foto: Christophe ARCHAMBAULT/AFP)
A norte-americana Amanda Anisimova, de 17 anos, bateu a atual campeã Simona Halep e está na semifinal (foto: Christophe ARCHAMBAULT/AFP)


O mineiro Bruno Soares, último brasileiro no Aberto de tênis da França, disputado no Complexo de Roland Garros, em Paris, e sua parceira, a norte-americana Nicole Milichar, foram eliminados hoje nas semifinais das duplas mistas por Catisha Chan, de Taipé, e o croata Ivan Dodig, que venceram por 6-1 e 6-2. Ontem foi um dia cheio no torneio parisiense, já que na véspera não houve jogos por causa da chuva.

No torneio de simples masculino, três anos depois de conquistar o título, o sérvio Novak Djokovic, atual número 1 do mundo, voltou a se classificar às semifinais de Roland Garros, vencendo o alemão Alexander Zverev (5º), com 3 a 0 (7-5, 6-2 e 6-2). Nas semifinais, o sérvio enfrentará o austríaco Dominic Thiem, quarto do ranking ATP e vice-campeão do Grand Slam parisiense no ano passado, que também não sofreu nas quartas de final, superando o russo Karen Khachanov (11º) também por 3 a 0 (6-2, 6-4 e 6-2).

“É importante seguir mantendo a concentração, sem pensar muito no dia seguinte ou no próximo adversário. Mas já estou nas semifinais, então estou muito feliz e espero continuar tão bem”, afirmou Djokovic. Nas duas últimas edições de Rolanda Garros, Djokovic foi derrotado nas quartas de final – em 2017, por Thiem, e em 2018, pelo italiano Marco Cecchinato.

A outra semifinal masculina será um dos duelos mais aguardados da temporada, entre o suíço Roger Federer e o espanhol Rafael Nadal. Federer eliminou o compatriota Stan Wawrinka por 3 a 2 [7-6 (6), 5-7, 6-4, 3-6 e 8-6]. Já Nadal derrotou o japonês Kei Nishikori por 3 a 0 (6-1, 6-1 e 6-3).

Surpresa Na chave de simples feminina, a jovem promessa americana de 17 anos, Amanda Anisimova, foi a grande surpresa das quartas de final, derrotando em dois sets (6-2 e 6-4) a romena Simona Halep, número 3 do mundo e atual campeã em Paris. Anisimova, que é de origem russa e atual 51ª do mundo, continua fazendo história e terá pela frente nas semifinais a australiana Ashleigh Barty (8º), que eliminou a norte-americana Madison Keys (14º), também com 2 a 0 (6-3 e 7-5).

“Não posso acreditar. Trabalhei muito, mas, sinceramente, é mais do que eu esperava”, admitiu a adolescente americana após a vitória. Roland Garros é apenas o quarto Grand Slam disputado por Anisimova, que já havia dado um recado ao circuito ao alcançar as oitavas de final do Aberto da Austrália no início do ano.

A segunda semifinal de simples feminina mostra a surpresa da competição, a britânica Johanna Konta e a tcheca Marketa Vondrousova. A inglesa bateu a norte-americana Sloane Stephens por 2 a 0 (6-1 e 6-4), enquanto que a jogadora da República Tcheca ganhou da croata Petra Martic, também por 2 a 0 [7-6 (1) e 7-5].


Publicidade