Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Campeões nos braços da torcida


postado em 03/06/2019 04:12

Ruas de Liverpool foram pintadas de vermelho para o desfile do time com a taça da Liga dos Campeões(foto: OLI SCARFF/AFP)
Ruas de Liverpool foram pintadas de vermelho para o desfile do time com a taça da Liga dos Campeões (foto: OLI SCARFF/AFP)

Depois da vitória por 2 a 0 sobre o Tottenham, no sábado, em Madri, a delegação do Liverpool desembarcou na cidade inglesa com a taça da Liga dos Campeões. A celebração começou logo depois do apito final no Wanda Metropolitano e varou a noite até a chegada de atletas e comissão técnica dos Reds, que celebraram bastante o sexto título da equipe na principal competição de clubes da Europa com seus torcedores.

“A gente esperou muito por este título. Com todo respeito ao Tottenham, a nossa geração merecia marcar história por tudo que fez nos últimos anos. Batemos na trave na temporada passada e, agora, fizemos este golaço levantando a ‘orelhuda’. O Campeonato Inglês escapou por apenas um ponto e não poderíamos deixar a Champions escapar de novo. Estou feliz demais”, disse o atacante brasileiro Roberto Firmino, que no ano passado viu o título ficar com o Real Madrid, mas, neste ano, ao lado dos compatriotas Alisson e Fabinho, pôde soltar o grito de campeão. O atacante ainda exibia os cabelos vermelhos, pintados logo depois da partida, em referência às cores do time.

Assim que desembarcaram em Liverpool, os jogadores se posicionaram na escada do avião com as medalhas da conquista do título europeu, enquanto o técnico Jürgen Klopp, ao lado do capitão Henderson, segurava o troféu. A taça foi exibida no caminhão que transportou a delegação dos Reds por diversas ruas da cidade.

A cor vermelha predominou pelas calçadas, casa e prédios. Alguns torcedores mais ousados se dependuraram em janelas e sacadas para cumprimentar os jogadores. Empolgado, o prefeito de Liverpool, Joe Anderson, chegou a dizer que as ruas foram tomadas por mais de meio milhão de pessoas, estatística que, momentos mais tarde, ele mesmo precisou atualizar, reduzindo para 250 mil.

O jornal Liverpool Echo foi mais longe e estimou o público em 750 mil pessoas para ver Klopp e companhia. O mais incrível é que a população da cidade inglesa está na casa dos 490 mil habitantes.

LISTA A Uefa divulgou, ontem, o grupo dos melhores jogadores da Liga dos Campeões 2018/2019, com 20 nomes. Estão nela Lionel Messi (eliminado nas semifinais com o Barcelona), Cristiano Ronaldo (que caiu nas quartas com a Juventus) e três brasileiros: o goleiro Alisson, que brilhou principalmente na decisão contra o Tottenham; Lucas Moura, autor dos inesquecíveis três gols contra o Ajax, que colocaram o Tottenham na final; e David Neres, atacante do semifinalista Ajax, que balançou as redes três vezes na competição. O grupo ideal contou com jogadores de seis equipes: Liverpool, Ajax, Barcelona, Tottenham, Manchester City e Juventus.

O grupo ideal

Os melhores da Liga dos
Campeões segundo a Uefa


» Goleiros
• Alisson (Liverpool)
• Ter Stegen (Barcelona)

» Laterais
• Alexander-Arnold (Liverpool)
• Robertson (Liverpool)

» Zagueiros
• De Ligt (Ajax)
• Vab Dijk (Liverpool)
• Vertoghen (Tottenham)

» Meio-campistas
• De Bruyne (Manchester City)
• De Jong (Ajax)
• Tadic (Ajax)
• Zivech (Ajax)
• Sissoko (Tottenham
• Wijnaldum (Liverpool)
• Ziyeck (Ajax)

» Atacantes
• Messi (Barcelona)
• David Neres (Ajax)
• Sterling (Manchester City)
• Mané (Liverpool)
• Cristiano Ronaldo (Juventus)
• Lucas Moura (Tottenham)


Publicidade