Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Grêmio, Internacional e Bahia nas quartas


postado em 30/05/2019 04:07



Internacional, Grêmio e Bahia são os primeiros times confirmados nas quartas de final da Copa do Brasil. Os três se garantiram ontem à noite: o Colorado bateu o Paysandu, no Mangueirão; o Grêmio venceu o Juventude, em Porto Alegre; e o Bahia derrotou o São Paulo, na Fonte Nova. Os adversários na próxima fase, que será disputada em julho, depois da Copa América, serão conhecidos por sorteio. Hoje, às 20h, o Palmeiras tentará confirmar seu favoritismo diante do Sampaio Corrêa – na ida, venceu por 1 a 0. A partida será transmitida pelo Sportv.

Sem grandes sustos, o Colorado  passou pelo Papão com dois triunfos: 3 a 1, no Beira-Rio, e 1 a 0, no Mangueirão. O peruano Paolo Guerrero foi novamente decisivo, balançando a rede. Com oito gols em 12 jogos em 2019, o atacante vive grande fase, mas evitou enaltecer suas marcas pessoais. “O mais importante era a classificação. Esse era o objetivo”, disse Guerrero, que havia marcado duas vezes no confronto de ida.

O Grêmio também não encontrou dificuldade para avançar. Diante da torcida, goleou o Juventude por 3 a 0 com dois gols de Felipe Vizeu e um de Diego Tardelli – que entrou no segundo tempo e marcou pela segunda vez com a camisa do tricolor gaúcho. Outro destaque foi o armador Thaciano, que deu assistência para dois gols. A vitória poderia ter sido mais elástica, já que Jean Pyerre desperdiçou um pênalti – bateu no meio do gol e Marcelo Carné defendeu com o pé esquerdo.

O São Paulo vê a cobrança aumentar sobre o técnico Cuca com a segunda derrota para o Bahia, ambas por 1 a 0. Em Salvador, Ernando fez o gol dos donos da casa. Para piorar, o tricolor paulista ainda teve um expulso, o equatoriano Arboleda. Um dos líderes do grupo são-paulino, o zagueiro Bruno Alves saiu de campo consternado com a eliminação: “Difícil, né? Agora é levantar a cabeça, porque o ano terá mais jogos. Temos que melhorar muito”, afirmou. Ao São Paulo resta, agora, apenas o Campeonato Brasileiro.


Publicidade