Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Primeira rodada tem média de 3,3 gols


postado em 29/04/2019 05:07

O Bahia virou pra cima do Corinthians, em Salvador, e venceu por 3 a 2(foto: MAURICIA DA MATTA/AGêNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEúDO)
O Bahia virou pra cima do Corinthians, em Salvador, e venceu por 3 a 2 (foto: MAURICIA DA MATTA/AGêNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEúDO)

 

Os goleiros sofreram na primeira rodada do Brasileiro. Nas 10 partidas, sábado e ontem, foram marcados 33 gols (média de 3,3 por partida), a segunda melhor marca desde que a Série A passou a ser disputada por 20 clubes em pontos corridos. O número é igual à rodada inicial de 2017 e atrás apenas do início de 2007, quando foram marcados 39 gols – nove deles na vitória do Athetico sobre o Figueirense por 6 a 3. Os 3,3 gols deste início de campeonato é superior à média do último Brasileiro, que foi de 2,48 em 38 rodadas.


Depois das derrotas de Cruzeiro e Avaí, no sábado, mais três campeões estaduais foram batidos ontem, no fechamento da rodada de abertura do Brasileiro: Grêmio, Corinthians e Fortaleza. Depois de erguer a taça do Gaúcho, o Grêmio perdeu para o Santos por 2 a 1, na Arena Grêmio, em Porto Alegre. Jogando no esquema 3-5-2, o técnico Jorge Sampaoli impôs muitas dificuldades ao tricolor gaúcho, que não soube marcar a boa movimentação de Soteldo e Eduardo Sasha, autor do primeiro gol logo aos 5min. Felipe Jonathan ampliou aos 34min do segundo tempo e Everton dimininuiu.


Em Salvador, o Bahia derrotou o Corinthians, campeão paulista, por 3 a 2, de virada, na Arena Fonte Nova. Com os desfalques do lateral-esquerdo Danilo Avelar, do centroavante Gustavo, do zagueiro Henrique e do volante Júnior Urso, todos lesionados, o Corinthians não fez boa estreia. Pedrinho, que completou 100 jogos com a camisa alvinegra, abriu o placar. Arthur Caíke empatou. No segundo tempo, Artur e Rogério, com um belo gol de cobertura sobre Cássio, viraram para os baianos. Clayson, nos acréscimos, diminuiu para os paulistas.


Na Arena da Baixada, o Athletico goleou o Vasco por 4 a 1. Bruno Guimarães, Marco Rúben, Werley (contra) e Nikão marcaram os gols rubro-negros, enquanto que Bruno César descontou no final.


No duelo nordestino da primeira rodada, o Ceará goleou o CSA por 4 a 0, na Arena Castelão, em Fortaleza. O confronto marcou o retorno dos alagoanos à elite do futebol brasileiro após 32 anos. E também a estreia do técnico Enderson Moreira no lugar de Lisca no clube cearense.


Atual campeão brasileiro, o Palmeiras goleou o Fortaleza no Allianz Parque por 4 a 0. Zé Rafael abriu o placar aos 17min do primeiro tempo. Na etapa final, Marcos Rocha, Zé Rafael novamente e Bruno Henrique fecharam o placar.
Em noite de muita chuva no Rio, o Fluminense foi derrotado em pleno Maracanã pelo Goiás: 1 a 0.


Publicidade