Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Uberlândia já respira vôlei

Praia e Minas treinam hoje no Sabiazinho e fazem os últimos ajustes para o jogo decisivo de sexta-feira. Presença de Fernanda Garay é incerta


postado em 24/04/2019 05:06

"Foi justamente nas jogadas ofensivas que mais sofremos com a saída dela, pois a Fawcett ficou sobrecarregada" Paulo Coco, técnico do Praia, sobre a importância de Fernanda Garay para o time (foto: Fotos: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)



As atenções estão voltadas agora para Uberlândia, onde será o segundo jogo da série melhor de três que apontará o campeão da Superliga Feminina de Vôlei 2018/2019. Os treinos, tanto do Praia como do Minas, que saiu de BH ontem no fim da tarde em direção ao Triângulo Mineiro, já acontecem no palco da partida, Ginásio Presidente Tancredo Neves, o Sabiazinho.

O técnico Paulo Coco, do Praia, tem dor de cabeça para definir a equipe para essa partida decisiva, em que sua equipe precisa ganhar para continuar sonhando com a conquista do bicampeonato. Obtendo êxito, forçará a disputa do terceiro jogo, novamente no Mineirinho, em Belo Horizonte, na sexta-feira da próxima semana.

O grande problema do treinador praiano é definir a substituta de Fernanda Garay, caso ela não se recupere da forte torção no tornozelo direito, sofrida ainda no primeiro set do jogo, no último domingo.

“O grande problema com a saída dela é que o time perdeu uma referência de defesa e ataque. E foi justamente nas jogadas ofensivas que mais sofremos com a saída dela, pois a Fawcett ficou sobrecarregada, pois ela passou a ser a jogadora da definição, tanto que marcou 30 pontos. Com a Garay em quadra, essa função é dividida” diz Paulo Coco.

O treinador tem duas opções para o caso de não poder contar com Garay. Uma é a entrada da dublê de ponteira e oposta Rosamaria. A outra é colocar Ellen. No jogo em BH, as duas se revezaram. Rosamaria teve um melhor aproveitamento, marcando 10 pontos, enquanto sua companheira fez sete. “São duas jogadoras experientes, acostumadas a decidir. Nos treinos até amanhã farei a escolha, mas, com certeza, durante a partida farei esse revezamento”, diz Paulo Coco.

Fernanda Garay, que foi imobilizada ainda no Mineirinho, está entregue ao departamento médico. Ela vem fazendo tratamento à base de gelo, alternando com água quente e micro-ondas, praticamente durante o dia inteiro. Os médicos do Praia acreditam numa recuperação. Ontem, a jogadora já não reclamava de dores, segundo os médicos.

 

 

MINAS O Minas treinou em BH ontem de manhã e viajou no fim da tarde para Uberlândia.  Hoje, o técnico Stefano Lavarini comandará treinos em dois períodos, um pela manhã e outro à noite, próximo do horário do jogo, às 21h30.

O treinador se diz satisfeito com o desempenho da equipe na partida de domingo, em especial porque o time mostrou recuperação. “Começamos bem o jogo, vencendo os dois primeiros sets. Mas depois caímos de rendimento e perdemos o terceiro e o quarto. Mas o time mostrou recuperação no tie-break, o que é importante, principalmente por ser num momento decisivo. Temos de ter cuidado, na sexta-feira, para não cometererros, como de saque e de ataque e defesa, como aconteceu no Mineirinho no momento de queda. Não acredito que a pressão entre em quadra nessa partida, ou que o Praia se sinta assim. São duas equipes acostumadas a decidir, com jogadoras experientes.”


ENQUANTO ISSO...
...Cruzeiro contrata jogador canadense

O ponteiro Gord Perrin, capitão da Seleção Canadense, é o novo reforço do Cruzeiro para a temporada 2019/2020. Ele tem 29 anos, 2,01m de altura e passagens por equipes da Rússia, China, Polônia, Itália e Turquia – onde foi bicampeão nacional. Pela Seleção do Canadá, disputou a Olimpíada de 2016, no Rio de Janeiro. Será o segundo jogador do Canadá a defender o Cruzeiro, já que na temporada 2014/2015 e 2015/2016 Frederic Winters jogou pela Raposa. Na temporada passada, ele defendeu o Belogorie Belgorod, da Rússia, clube que em 2014 foi campeão do Mundial de Clubes, na decisão no Mineirinho. “Acompanhei o Cruzeiro no cenário mundial e conheço bem o time, é um dos melhores do mundo”, disse Perrin.


Final no masculino
O Sesi-SP saiu na frente na série melhor de cinco da final da Superliga Masculina de Vôlei. No Ginásio da Vila Leopoldina, derrotou o Taubaté por 3 a 0 (25/22, 25/22, 25/22), ontem à noite. O oposto Alan foi eleito o melhor da partida. No ginásio asssitindo ao marido Murilo, líbero do Sesi, a também jogadora de vôlei Jaqueline, bicampeã olímpica, protagonizou uma situação inusitada antes do início do terceiro set: ela concedia entrevista ao vivo, para o canal Sportv, quando desmaiou. Jaqueline ficou alguns minutos deitada na quadra, até que foi levada para uma sala da diretoria, para ser atendida. Segundo Sérgio Xavier, médico do Sesi, ela sofreu uma queda de pressão em consequência do forte calor.


Publicidade