Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Elias sonha alto


postado em 06/12/2018 05:05

Volante atleticano espera ter mais regularidade na próxima temporada para ajudar o Galo a ser campeão(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
Volante atleticano espera ter mais regularidade na próxima temporada para ajudar o Galo a ser campeão (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)


Com histórico de títulos importantes por Corinthians e Flamengo, o volante Elias foi uma das apostas do Atlético em 2017 para trazer novas conquistas de expressão ao clube. Mas, ao viver período conturbado de troca de treinadores em suas duas primeiras temporadas em Minas, nada disso ocorreu. A expectativa é de que, no último ano de contrato com o Galo, o jogador possa assumir o papel de protagonista na equipe e enfim conduzi-la aos troféus.

Elias teve atuações irregulares em 2018, chegando a perder a posição de titular para Gustavo Blanco no primeiro semestre. Com a chegada de Levir Culpi, porém, o jogador de 33 anos se destacou na reta final do Campeonato Brasileiro com gols e assistências aos companheiros – foram 53 jogos e oito gols no ano. E ganhou elogios dos torcedores.

O volante admite que conquistar um grande título pelo Atlético é sua principal ambição para 2019, quando o time voltará a disputar a Copa Libertadores: “Tivemos um 2018 difícil, de altos e baixos, com grandes trocas. Mas superamos tudo isso e conquistamos a vaga na Libertadores. O Levir chegou com sua experiência, deu carinho a alguns jogadores e demonstramos potencial na reta final do Brasileiro. A gente conta com o apoio da torcida para que possamos trazer títulos. Sou um cara muito competitivo, quero ganhar sempre, e a torcida do Galo também se acostumou a ganhar. Temos o mesmo objetivo”.

Ele não tem boa experiência na Libertadores. Em 2010, quando atuava ao lado do ex-atacante Ronaldo, viu o Corinthians ser eliminado pelo Tolima, do México, ainda na fase preliminar. No ano passado, pelo Atlético, caiu nas oitavas de final diante de outra equipe de menor expressão, o boliviano Jorge Wilstermann.

Para que possa levar o alvinegro a uma conquista, Elias planeja dar um passo de cada vez, buscando, primeiramente, a regularidade dentro das quatro linhas: “Os grandes lutadores sofrem quedas, mas têm de se levantar o mais rápido possível. Precisamos estar preparados para todas as situações. Quando ganha, não pode achar que é o melhor. Quando perde, não achar que é o pior”.

FUTURO A partir de agosto, o volante poderá assinar pré-contrato com outro clube. Caso tenha bom desempenho no primeiro semestre, o clube pode renovar seu vínculo. Recentemente, Elias disse que queria encerrar a carreira no Corinthians.

Diego Costa em BH
O atacante Diego Costa, do Atlético de Madrid e da Seleção Espanhola, passou ontem por cirurgia no quinto metatarso do pé esquerdo no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte. O responsável pela operação foi o médico do Atlético e da Seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar, que no ano passado cuidou de processo cirúrgico semelhante no atacante Neymar. A previsão é de que Diego Costa volte aos gramados daqui a três meses. Ele terá alta hoje.


Publicidade