Publicidade

Estado de Minas

Crivella é atingido por lama depois de culpar moradores do RJ por estragos da chuva

Morador do Realengo, na zona Oeste do Rio de Janeiro, arremessou o pedaço de lama no prefeito, que estava em meio a uma entrevista coletiva. Crivella afirmou que parte da população joga lixo nos rios, o que seria o motivo dos prejuízos causados pelos temporais


postado em 02/03/2020 14:30 / atualizado em 02/03/2020 17:17

(foto: Antônio Cruz/Agência Brasil )
(foto: Antônio Cruz/Agência Brasil )
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos), foi atingido por uma bola de lama arremessada por um morador de Realengo, na zona oeste da capital fluminense, na manhã desta segunda-feira (2). Crivella participava de uma entrevista coletiva quando foi atingido no rosto e no ombro pelo pedaço de barro. O prefeito visitou a região para avaliar os estragos causados pelas fortes chuvas que atingem a cidade desde sábado (29).  

 
Os moradores hostilizaram Crivella desde que ele chegou à região, mas a situação ficou mais tensa quando o prefeito culpou parte dos moradores pelas consequências dos temporais. “A culpa é de grande parte da população, que joga lixo nos rios frequentemente”, declarou. Crivella afirmou que as chuvas sempre são um problema para a cidade, mas “o pior é o lixo. Temos excesso de lixo nos rios, bueiros e encostas, e, quando vem a chuva, tudo desce”. 
 
Antes do epiódio,  em uma transmissão ao vivo nas redes sociais ainda pela manhã, Crivella também atribuiu os prejuízos das chuvas aos hábitos dos moradores. O prefeito afirmou que as pessoas escolhem morar em áreas de risco para “gastar menos com cocô e xixi”. Segundo ele, os moradores preferem morar onde “descem as águas” com o objetivo de gastar menos tubos para esgoto. 

 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade