Publicidade

Estado de Minas

André Sturm vai para o audiovisual


postado em 13/12/2019 04:00 / atualizado em 13/12/2019 07:45

Ex-secretário municipal de Cultura, André Sturm aceitou convite feito por Roberto Alvim, secretário especial da Cultura, durante almoço no prédio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Ele assumirá a chefia da Secretaria do Audiovisual no lugar de Katiane Gouvêa, que foi exonerada do cargo na quarta-feira,  As informações foram confirmadas por um produtor presente ao evento. Nascido em Porto Alegre, Sturm é cineasta, foi diretor do MIS – Museu da Imagem e do Som de São Paulo, ex-secretário da Cultura de São Paulo e cuida da programação dos cinemas do Petra Belas Artes.

André Sturm deixou a Secretaria da Cultura de São Paulo em janeiro deste ano. Ele saiu da pasta reclamando de dificuldades para exercer o trabalho na gestão do prefeito Bruno Covas (PSDB). Seu substituto foi o produtor cultural Alê Yousse. O convite a ele foi feito no dia seguinte à demissão de Katiane, que ocupou a secretaria por duas semanas. Sua exoneração foi atribuída a supostas irregularidades que teria cometido quando tentou se eleger deputada federal em 2018. Katiane gastou 25.600 reais do fundo eleitoral a que teve acesso numa empresa na qual é sócia junto de sua mãe.

Katiane estava desgastada após ser apontada como responsável por um ato de censura ao filme ‘A Vida Invisível’, que teve a exibição proibida num programa de capacitação de servidores da Ancine. 


Publicidade