Publicidade

Estado de Minas

Carlos Bolsonaro publica lista dos jatinhos financiados pelo BNDES; Doria lidera

O vereador do Rio de Janeiro usou a sua conta no Twitter para falar sobre os aviões financiados pelo banco e disse que o dinheiro público foi utilizado para bancar 'caprichos pessoais'


postado em 19/08/2019 18:12 / atualizado em 19/08/2019 23:37

(foto: Marcos Vieira/EM)
(foto: Marcos Vieira/EM)

Carlos Bolsonaro usou a sua conta no Twitter para publicar uma lista dos 10 jatinhos mais caros financiados pelo Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A lista é liderada pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), que pretende disputar a Presidência da República em 2022. A relação segue com algumas empresas como JBS, Neo Táxi Aéreo, Construtora Estrutural, lojas Riachuelo, Eurofarma Laboratórios, entre outras. 

 

De acordo com a publicação do vereador do Rio de Janeiro, "alguns gastos de dinheiro público facilitados para caprichos pessoais: jatinhos. Determinados nomes explicam muitos comportamentos", publicou. Na lista, Carlos diz que a empresa Doria Administração de Bens LTDA., do governador de São Paulo, obteve R$ 44,03 milhões em 2010 para a compra da aeronave. 

 

Em resposta, a secretaria de Comunicação do governo de São Paulo informou em nota que não há irregularidade no financiamento obtido por João Doria. "A Embraer vendeu dezenas de jatos executivos e comerciais para empresas brasileiras e estrangeiras com financiamento do BNDES, gerando empregos e impostos para o Brasil. Nada errado nisto", diz.

 


Publicidade