Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Na Argentina, Toffoli propõe parceria entre as supremas cortes da AL


postado em 23/11/2018 14:13

Em visita à Suprema Corte de Justiça argentina, em Buenos Aires, na manhã desta sexta-feira (23), o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, propôs uma parceria entre as supremas cortes de Justiça da América Latina com o objetivo de trocar experiências e realizar atuações multilaterais.

"Para o Judiciário brasileiro, manter contato com a Suprema Corte da Argentina é extremamente importante e relevante. Propusemos um contato maior para celebrar um acordo para cooperação em temas jurídicos. Temos o que aprender e o que compartilhar de boas práticas", disse Toffoli, após o encontro, em vídeo divulgado por sua assessoria.

O ministro aproveitou o encontro para explicar o funcionamento, as divisões e alguns dos mecanismos da Justiça brasileira, como súmula vinculante, plenário virtual e as turmas da Corte. Participaram da visita institucional o corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, e conselheiros do Conselho Nacional de Justiça.

O juiz federal Fernando Mendes, presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), também acompanhou Toffoli no encontro com os ministros da Suprema Corte argentina. Para Mendes, a aproximação entre as instituições dos dois países é fundamental porque a criminalidade ultrapassou os limites nacionais e os negócios são feitos de maneira globalizada.

"Se o sistema de Justiça não se comunicar e não se conhecer isso dificulta muito sua efetividade. Essa aproximação e troca de experiência e conhecimento da realidade é uma maneira de aperfeiçoar um modelo de Justiça que tende ser cada vez mais global", concluiu.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade