Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Presidente do Irã deseja 'saúde e sucesso' a Bolsonaro


postado em 16/11/2018 08:01

O presidente do Irã, Hassan Rouhani, encaminhou nesta quinta-feira, 15, uma mensagem de felicitação ao presidente eleito do Brasil, Jair Bolsonaro (PSL). Rouhani desejou saúde e sucesso a Bolsonaro, bem-estar ao povo brasileiro e desenvolvimento na relação entre os dois países.

De acordo com a Embaixada da República Islâmica do Irã, a mensagem de Rouhani a Bolsonaro expressa "sua esperança" de que, durante o novo governo, "as relações dos dois países, como sempre, se desenvolvam ainda mais em todos os aspectos, bilaterais e internacionais".

As declarações do governo iraniano ocorrem um dia depois de Bolsonaro anunciar o embaixador Ernesto Araújo como o novo ministro das Relações Exteriores. Araújo é diretor do Departamento dos Estados Unidos, Canadá e Assuntos Interamericanos do Itamaraty. O diplomata também é visto como simpático à política internacional conduzida pelo presidente norte-americano, Donald Trump, desafeto de Rouhani.

Em seu blog pessoal, o novo chanceler já escreveu sobre o Irã: "Nos anos 70 a esquerda tomou o movimento democrático do Irã, que se erguia contra o autoritarismo do Xá, e o metamorfoseou no horrível fundamentalismo islâmico que veio a contaminar todo o Oriente Médio, oprimindo, perseguindo e assassinando milhões de pessoas, destruindo comunidades milenares, sem que ninguém possa falar nada porque todos os crimes islamistas ficam protegidos atrás do muro da 'tolerância' erigido pela esquerda", afirmou o embaixador.

Malafaia

Bolsonaro passou a quinta-feira em casa no Rio, onde recebeu o pastor Silas Malafaia. "Viemos só bater papo mesmo, falar sobre essas nomeações que ele está fazendo, o que está acontecendo no Brasil. Vamos ver na prática, mas acho que está acertando", disse o pastor ao sair. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade