Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Em discurso, Eunício celebra o primeiro passo de transição do governo


postado em 06/11/2018 11:18

A primeira aparição do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), em Brasília, participando de sessão solene do Congresso Nacional, conta com a presença das principais autoridades do País. Estão presentes na sessão que celebra os 30 anos da Constituição o próprio presidente da República, Michel Temer, o presidente do Congresso Nacional e do Senado, Eunício Oliveira, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli.

Primeiro a se pronunciar, Eunício celebrou o início da transição de governo conforme a Constituição Federal de 1988. "Este é o primeiro passo de um processo de transição que, ouso afirmar, é fruto da Constituição Cidadã de 1988. A Constituição marca a transição para o mais longo período democrático do Brasil contemporâneo", comentou Eunício, que celebrou a presença da imprensa na sessão.

Vale lembrar que a cobertura da sessão pela imprensa chegou a ser vetada pela organização da cerimônia, sob pretexto de falta de espaço, uma vez que o plenário estaria lotado pelos convidados do presidente eleito. O presidente do Congresso, entretanto, autorizou a presença de jornalistas.

A participação popular na formulação da Constituição Federal foi citada por Eunício. "Quem participou daquela Constituinte costuma se lembrar daquele momento maravilhoso histórico do Brasil. Participação da população brasileira inteira foi bem marcante", disse. "Devemos sempre respeitar a Constituição e principalmente cumpri-la. Atuar com civismo cria laços de efeito com a população", emendou.

Em mensagem a Bolsonaro, Eunício declarou ter certeza de que o novo governo "irá honrar quem veio antes, sob luz da democracia".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade