Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Manifestantes entram em confronto na Av. Paulista


postado em 28/10/2018 20:15

Apoiadores de Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) entraram em confronto na região da Avenida Paulista, em São Paulo, após o anúncio da vitória de Bolsonaro na eleição presidencial neste domingo, 28. A tropa de choque da Polícia Militar teve de agir para isolar os grupos no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp).

Os apoiadores do PT chegaram a ficar isolados atrás do museu, com a formação de um cordão de isolamento pelos policiais. Alguns arremessaram garrafas de plástico em direção aos bolsonaristas e objetos contra a polícia. A PM fez uso de bala de borracha. Houve um principio de confusão, empurrões e correria.

Desde o início da tarde, um grupo de jovens apoiadores do PT estava concentrado no local, onde também ocorria uma feira de antiguidade. A partir das 17h, eleitores de Bolsonaro começaram a se concentrar na avenida Paulista e, principalmente, na frente do museu.

No início, as provocações se resumiam a gritos de "ele não", "fascistas" ou "fora petista" e "PT lixo". Com o anúncio da vitória de Jair Bolsonaro, a animosidade entre os grupos cresceu, fazendo com que homens da tropa de choque se colocassem entre os dois grupos. A PM tentou agir para abrir caminho e tirar o grupo de apoiadores do PT do local, enquanto alguns bolsonaristas pediam para deixá-los cercados atrás do Masp.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade