Publicidade

Estado de Minas

Deputado pede que presidente da Funcef solicite afastamento do cargo


postado em 27/08/2015 15:19

Brasília, 27 - O deputado Marcelo Aro (PHS-MG) usou seu tempo de líder durante a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para analisar os fundos de pensão para solicitar que o diretor-presidente da Funcef, Carlos Alberto Caser, solicite seu afastamento do cargo imediatamente. Caser afirmou, ao longo da sessão, que é filiado ao PT desde 1990 e que tem uma relação com o ex-tesoureiro do PT investigado na operação Lava Jato, João Vaccari Neto.

Com o apoio dos parlamentares presentes na comissão, a CPI adiou o depoimento do diretor-presidente da Previ, Gueitiro Matsuo Genso, para a próxima quinta-feira, 03. Com mais de quatro horas de sessão, os parlamentares pediram ao presidente da comissão, deputado Efraim Filho (DEM - PB) que a oitiva fosse adiada. Após consultar Genso, Efraim Filho concordou em alterar a data. Na próxima terça-feira, 01, a CPI marcou o depoimento do representante da Petros.


Publicidade