Publicidade

Estado de Minas

Empate técnico na lista tríplice do MP


postado em 13/11/2008 08:19 / atualizado em 08/01/2010 04:04

Deu “empate técnico” nas eleições para o comando do Ministério Público mineiro. A diferença entre os dois primeiros colocados, o ex-procurador geral Nedens Ulisses Vieira e Alceu Torres, foi de apenas seis votos. Nedens teve 535 contra 529 de Torres.

Em terceiro lugar, ficou o também ex-procurador Epaminondas Fulgêncio, com 289 votos e, em seguida, Tomás Aquino, com 154. O vencedor na capital foi Alceu Torres.

De acordo com as regras, o sucessor do procurador Jarbas Soares vai ser escolhido pelo governador Aécio Neves entre os três primeiros colocados da disputa. Foram computados 886 eleitores.


Publicidade