Publicidade

Estado de Minas

Lançamentos


26/03/2021 04:00 - atualizado 25/03/2021 19:10

CARTAS A UMA NEGRA 
De Françoise Iga  
• 252 páginas 
• Editora Todavia  
• R$ 59,90 (impresso) 
• R$ 29,90 (e-book) 
 
Nascida na Martinica, Françoise Ega (1920-1976) trabalhava como doméstica em Marselha, na França. Um de seus prazeres era ler a revista “Paris Match”, na qual deparou com um texto sobre Carolina Maria de Jesus e seu livro “Quarto de despejo”. Identificou-se prontamente e passou a escrever “cartas” — jamais entregues — à autora brasileira. A obra, publicada postumamente em 1978, é um dos documentos literários mais significativos e tocantes sobre a exploração feminina e o racismo no século 20. Françoise Ega se tornou ativista social em defesa dos imigrantes caribenhos na França e lançou também o livro “Le temps des madras: récit de la Martinique”, em 1966. Após sua morte, foi lançado ainda “L'alizé ne souflait plus (antan robè)”, em 2000.

O IDIOTA DO REBANHO 
De José Carlos Reis  
• 295 páginas 
• Editora Scriptum  
• R$ 47,20  

O professor, historiador e filósofo José Carlos Reis apresenta um “romansaio”, texto experimental que procura sintetizar ensaio histórico-psicofilosófico e romance. O protagonista é o professor universitário Júlio Castelo Furtado, que, ao se aposentar, faz uma revisão de suas ideias, tentando superar a confusão; de sua vida profissional, tentando superar a sensação de fracasso; e de sua vida amorosa, tentando superar a decepção. Ele é provocador, agressivo, politicamente incorreto, mas contundente em seu humor ácido. Ao refazer o seu caminho, acha que sempre agiu e foi tratado como um "idiota", mas inventa um "bom sentido" para legitimar a sua idiotia. É a história de um amor interrompido na origem, que se conclui com o reencontro dos amantes na velhice.

DOIS ANOS NA CAÇAMBA  
De Antonio Lucio Teixeira  
• 95 páginas  
• Editora Scriptum 
• R$ 33,60  
“Dois anos na caçamba – Desencanto em poema-prosa de uma analista no Texas” reúne 80 poemas do médico Antonio Lucio Texeira, pesquisador com vasta produção científica em neurociências clínica e experimental. No fim de 2015, ele aceitou convite para viver e trabalhar nos Estados Unidos como professor e diretor do Programa de Neuropsiquiatria da Universidade do Texas, em Houston. “As palavras (de ‘Dois anos de caçamba’) foram decantadas ao longo dos meus dois anos de trabalho em um hospital público de urgências psiquiátricas”, revela Antonio Lucio Teixeira na abertura do livro. A seguir, o primeiro poema da obra: “Chegada – Chego em silêncio/Silêncio não há/Gritos sim/Não de dor/Gritos sim/De um cérebro doente/De uma pessoa intoxicada com drogas”

MEMÓRIAS DE UM DOENTE DOS NERVOS 
De Daniel Paul Schreber 
• 473 páginas 
• R4 89,90 (impresso) 
• R$ 44,90 (e-book) 
 
Escrito em 1903 por um eminente jurista, recém-promovido à Corte de Apelação de Dresden na Alemanha, o livro “Memórias de um doente dos nervos” apresenta, com a minúcia requerida pelo mais rigoroso pensamento clínico, o desencadeamento de um processo paranoico. Alguns anos depois, a obra serviu de base para um ensaio seminal de Sigmund Freud, “Observações psicanalíticas sobre um caso de paranoia relatado em autobiografia”, lançado em 1911. Nesta edição, além da clássica tradução da psicanalista Marilene Carone (1942-87), o leitor encontra dois textos — ensaios luminosos de Elias Canetti e Roberto Calasso — que ampliam a compreensão do caso Schreber e atestam sua inquietante atualidade.

PRODUTO ARTESANAL  
De Paloma
• Bernardino Braga
• 100 páginas 
• Editora Penalux  

A jovem mineira Paloma Bernardino Braga lança “Produto artesanal”, que reúne 83 pequenos poemas. É autora também dos livros “Doutora da alma”, “O voo da borboleta” e “A princesa da escuridão”, além outros textos, incluindo poemas, artigos e contos. É graduada em letras pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e mestranda em linguística pela mesma instituição. Tem certificação em escrita criativa pela Wesleyan University. “Paloma é uma linguista e opera seus poemas com exatidão daqueles que passam a existência esmiuçando as nuances da linguagem”, comenta o escritor Luca Creido, na edição que 
acaba de ser lançada.

A MENTIRA DO AMOR PERFEITO   
De José Maria Braga 
• 400 páginas  
• Editora Bom Sucesso  
• R$ 55  
Depois do seu livro semiautobiográfico “Menino pelado”, o escritor e jornalista mineiro José Maria Braga lança “A mentira do amor perfeito”. O romance tem como protagonista a advogada Helena, moderna e bem-sucedida. No melhor momento da carreira, ela se vê diante de um fato inesperado e assustador que a obriga a rever completamente os seus planos. A obra entrelaça fatos da história do Brasil na última década do século 20, a partir do impeachment do presidente Fernando Collor de Mello, os anos de formação da personagem principal, alternando passado e presente, momentos de esperança e frustração, tanto para Helena quanto para milhões de brasileiros.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade