Publicidade

Estado de Minas Investigações

Interesses na compra de vacinas


17/07/2021 04:00




José Pedro Naisser
Curitiba

“Graças à atuação dos responsáveis pela CPI da COVID-19, estão aparecendo as tramoias, tramas conspirações na gestão de Pazuello. o representante da Davati deu uma enorme contribuição para mostrar o estado de putrefação que foi a gestão Pazuello, onde dois grupos disputavam como abutres a compra das vacinas que nunca existiram. O Ministério foi militarizado por oito coronéis, um cabo da Polícia Militar, um sargento da Força Aérea, assessorados por um reverendo, só faltou a assessoria do Inri Cristo, todos com acesso à cúpula do Ministério. Por sorte, o funcionário de carreira Luis Miranda deu um basta na corja, e todos foram demitidos.
A contribuição do representante da Davati só não foi completa porque ele utilizou o programa de governo do auxílio emergencial e fez um implante de cabelos com linha de pesca e que estavam brilhantes na sua apresentação.
Pobre dos brasileiros que perderam sua vida pela omissão dos negacionistas e abutres de plantão no Ministério da Saúde, que demoraram a comprar as vacinas corretas, enquanto se digladiavam nos dois grupos dos abutres. Com tristeza pelos que perderam sua vida.”

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade