Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Jack Ma

Sumiço de bilionário gera polêmica e caos


09/01/2021 04:00

Vivaldo José Breternitz
São Paulo 

"Jack Ma, o bilionário fundador da Alibaba, está desaparecido desde 24 de outubro, o que tem gerado especulações acerca de seu paradeiro. Ele não aparece em público desde aquela data, quando fez críticas públicas aos sistemas regulatórios adotados pelo governo chinês, que respondeu de forma bastante enfática. Ma não apareceu nem mesmo no episódio final de uma série de TV criada por ele, no qual ele seria um dos jurados. Sua ausência foi uma surpresa, face ao seu conhecido gosto por aparições na mídia; um porta-voz da empresa afirmou que a ausência se devia a um conflito de agenda, porém, não deu informações sobre o paradeiro do empresário. Após o discurso de Ma, em outubro, autoridades chinesas lançaram investigações antitruste sobre a Alibaba, provocando uma queda de 8% no valor das ações da empresa na Bolsa de Valores de Hong Kong. O governo chinês ainda reformulou regras de operação para fintechs, frustrando o IPO da Ant Group, empresa de tecnologia financeira filiada à Alibaba, que estava avaliada em cerca de US$ 34 bilhões. Além disso, o grupo, que é dono da Alipay, maior plataforma de pagamentos digitais do país, foi forçado a reduzir suas operações por conta de supostas falhas em seus processos de governança corporativa. As pressões do governo chinês sobre as empresas de Ma fizeram com que a fortuna do empresário fosse reduzida em US$ 12 bilhões em apenas dois meses e, talvez, possam ser entendidas como um recado para que ele se calasse, desaparecendo por algum tempo. Casos similares já aconteceram no país, quando Richard Liu, fundador da JD.com e grande rival de Ma, foi acusado de estupro. Pony Ma, fundador da Tencent, o maior portal de serviços de internet da China, não aparece em público há cerca de um ano, embora a empresa atribua esse fato a ‘crônicos problemas de coluna’. Resta esperar os próximos capítulos..."

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade